Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar Clipping 2012 2016
Ulisses Molly Bloom     Dan  ando para adiar Clipping  2012    2016
Hist rico do Projeto Ulisses 02 e 03 de junho de 2012 Estreia na Casa de Cultura Batu ra em S o Sebasti o pelo PROAC 03 de junho de 2012 Coordena o da oficina Media o de P blico a pedagogia no processo criativo em James Joyce na Casa de Cultura Batu ra em S o Sebasti o pelo PROAC 07 e 08 de junho de 2012 Apresenta o no Galp o das Artes de Suzano pelo PROAC 08 de junho de 2012 Coordena o da oficina Media o de P blico a pedagogia no processo criativo em James Joyce na Casa no Galp o das Artes de Suzano pelo PROAC 09 e 10 de junho de 2012 Apresenta o na Casa da Cultura de Lorena pelo PROAC 10 de junho de 2012 Coordena o da oficina Media o de P blico a pedagogia no processo criativo em James Joyce na Casa de Cultura de Lorena pelo PROAC 16 de junho de 2012 Participa o no Bloomsday da Casa Guilherme de Almeida em parceria com o Finnegans Pub com execu o do trecho fora do espet culo de um ponto ao outro 06 e 13 de julho de 2012 Apresenta o no SESC Santo Andr 20h00 19 de agosto de 2012 Apresenta o na Mostra de Refer ncias de Suzano 24 25 e 26 de agosto de 2012 Apresenta es no Teatro Elis Regina em S o Bernardo do Campo 20h00 29 de agosto de 2012 Coordena o da oficina Media o de P blico a pedagogia no processo criativo em James Joyce no Centro Livre de Artes C nicas CLAC de S o Bernardo 05 de setembro de 2012 Coordena o da oficina Media o de P blico a pedagogia no processo criativo em James Joyce para os alunos de artes c nicas Faculdades Integradas Cora o de Jesus Fainc de Santo Andr 29 de agosto de 2012 Apresenta o na IV Mostra dos 7 em S o Caetano do Sul
Hist  rico do Projeto Ulisses  02 e 03 de junho de 2012 Estreia na Casa de Cultura Batu  ra, em S  o Sebasti  o, pelo PROA...
Setembro e outubro de 2012 Temporada na Casa das Rosas S o Paulo pelo PROAC 16 de outubro de 2012 Apresenta o na 5 Mostra de Teatro de Jundia 19h00 De 07 de junho a 14 de julho de 2013 Participa o na Ocupa o James Joyce em parceria com o Centro Cultural S o Paulo com temporada de 14 apresenta es do espet culo apresenta o no dia 16 de junho Bloomsday com a participa o do Quarteto Deriva improvisando a trilha sonora do espet culo e coordena o do Experimento Finnegans para 15 artistas selecionados a partir da obra Finnegans Wake que teve apresenta o ao p blico nos dias 05 e 07 de julho 10 de julho de 2013 Apresenta o na 2 FESTKAOS Festival de Teatro do Kaos em Cubat o SP 20h00 14 e 15 de junho Apresenta es no MIS Museu da Imagem e do Som 16 de junho de 2014 Organiza o do Bloomsday 2014 junto Casa Guilherme de Almeida convidando para o Encontro Peripat tico as Cias C G I Cia Lona de Retalhos n cleozonaautonoma Cia Uma das Tr s Quarteto Deriva e a atriz Paula Carrara em trajet ria da Casa Guilherme de Almeida at o Finnegans Pub De 04 a 06 de setembro de 2014 Coordena o da oficina Ulisses em Cena e apresenta o do espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar no Teatro Elis Regina em S o Bernardo do Campo 03 04 10 e 11 de outubro de 2014 Curta temporada de Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar no Galp o 101 da Pr xima Companhia na Lapa em S o Paulo 07 de maio de 2015 Apresenta o de Ulisses Deriva o espet culo Ulisses Molly Bloom com improvisa o instrumental do Quarteto Deriva na Casa da Palavra em Santo Andr pelo Edital de Apoio s Artes Integradas da Secretaria de Estado da Cultura A apresenta o tamb m marcou a comemora o dos 10 anos do grupo 21 22 e 23 de maio de 2015 Encontros com a ensa sta e tradutora Dirce Waltrick do Amarante sobre a obra de James Joyce Finnegans Wake pelo projeto Para Ler Finnegans Wake contemplado pelo Edital de Aprimoramento T cnico da Secretaria de Estado da Cultura 30 e 31 de maio de 2015 Apresenta o de Ulisses Deriva no Galp o Arthur Netto em Mogi das Cruzes pelo Edital de Apoio s Artes Integradas da Secretaria de Estado da Cultura
Setembro e outubro de 2012 Temporada na Casa das Rosas     S  o Paulo, pelo PROAC. 16 de outubro de 2012 Apresenta    o na...
06 de junho de 2015 Apresenta o de Ulisses Deriva no Coletivo 308 espa o voltado s Artes Pl sticas na cidade de Guarulhos pelo Edital de Apoio s Artes Integradas da Secretaria de Estado da Cultura De 11 de junho a 29 de agosto de 2015 Coordena o da oficina Experimento Finnegans para atores e n o atores na Universidade Federal do ABC Campus S o Bernardo 15 de julho de 2015 Apresenta o de Ulisses Deriva no Espa o Clari de Teatro em Tabo o da Serra pelo Edital de Apoio s Artes Integradas da Secretaria de Estado da Cultura 14 e 15 de agosto de 2015 Apresenta o de Ulisses Deriva na sede das Oficinas de Mau pelo Edital de Apoio s Artes Integradas da Secretaria de Estado da Cultura 27 de agosto de 2015 Apresenta o de Ulisses Deriva no Centro Livre de Artes C nicas de S o Bernardo do Campo pelo Edital de Apoio s Artes Integradas da Secretaria de Estado da Cultura Setembro de 2015 Coordena o da oficina Para Ler Finnegans Wake na Casa da Palavra em Santo Andr como parte do projeto contemplado pelo PROAC Aprimoramento T cnico da Secretaria de Estado da Cultura De fevereiro a agosto de 2016 Circula o pelo PROAC de Apoio Circula o de Espet culos de Teatro da Secretaria de Estado da Cultura com o Projeto Ulisses Deriva com o quarteto Deriva em 14 apresenta es em 07 cidades sendo elas Santo Andr Diadema Santos Jundia Campinas Ribeir o Preto e S o Jos do Rio Preto
06 de junho de 2015 Apresenta    o de    Ulisses    Deriva   , no Coletivo 308, espa  o voltado   s Artes Pl  sticas na ci...
CR TICAS Cr tica Int rpretes generosos traduzem com eleg ncia um cl ssico de James Joyce LUIZ FERNANDO RAMOS CR TICO DA FOLHA Literatura viva Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar montagem da Companhia Estrela Dalva adapta o c lebre romance de James Joyce 1882 1941 sem encen lo todo mas dando vida a seus personagens centrais Os dramaturgos Lucienne Guedes e M rcio de Castro mantiveram a estrutura do livro que narra um dia na vida de Leopold Bloom As cenas n o se configuram por di logos e sim por falas isoladas e pelas a es f sicas Sueli Almeida Divulga o O ator Paulo Gircys no espet culo Ulisses Molly Bloom O espet culo se concentra no pr prio Bloom e em sua esposa Molly que fica em casa quando o marido sai de manh para um p riplo que s terminar noite No retorno casa ele reencontrar Molly na cama onde ela teria na sua imagina o passado o dia com um amante A dire o de Marcelo Gianini d conta da narrativa b sica sem precisar de nenhum didatismo O texto de Joyce n o soa liter rio e se encaixa bem nas atua es desenhadas Paulo Gircys como um Bloom entre palha o e pat tico o tempo todo assombrado pelas apari es de uma exuberante Molly na pele da atriz L gia Helena figura de del rio que oscila entre ser doce e selvagem not vel como uma encena o t o simples apenas com uma dire o de arte elegante e int rpretes generosos consiga a proeza de traduzir em mi dos uma obra liter ria t o complexa ULISSES MOLLY BLOOM QUANDO sex s 20h e s b s 16h at 27 10 ONDE Casa das Rosas av Paulista 37 tel 0 xx 11 3251 5271 QUANTO gr tis CLASSIFICA O 14 anos AVALIA O bom Folha Online http www1 folha uol com br ilustrada 1159793 critica interpretes generosos traduzem comelegancia um classico de james joyce shtml
CR  TICAS  Cr  tica  Int  rpretes generosos traduzem com eleg  ncia um cl  ssico de James Joyce LUIZ FERNANDO RAMOS CR  TI...
quinta feira 7 de junho de 2012 Ulisses Molly Bloom dan ando para adiar Anota es de viagem Tenho notado de uns tempos para c como espectadora dois tipos de espet culo que fogem aos padr es dram ticos Um deles j nasce como acontecimento dada sua contund ncia sua clareza sua pot ncia comunicativa como se estivessem prontos em estado de lat ncia esperando somente que algumas conjun es se fizessem para que viessem luz e cumprissem seu destino j determinado Nesse tipo de espet culo todas as transgress es parecem cab veis e a nossa posi o de espectadores embora alterado o esquema de s culos de frontalidade e aparente passividade adequa se at com certa facilidade a elas J o outro tipo congrega um n mero bem maior de experi ncias e se refere a trabalhos que se situam entre a nega o de modelos consagrados e a conquista de novos paradigmas que ainda n o est o bem claros Creio que desses espet culos que parte do p blico diz n o entendi nada teatro contempor neo tudo assim estranho sem compreender a fun o que eles exercem na renova o constante da linguagem Nessas ocasi es o espectador tamb m convidado a rever seu papel Se at hoje muitas e timas produ es mant m a pr tica de entreter o p blico oferecendo a ele um tipo de frui o que vai ao encontro de suas refer ncias e por isso tende a reafirm las outras h que subvertem as expectativas que estimulam amplia o das refer ncias Fazem isso jogando com o corpo do espectador seus sentidos trabalhando com sonoridades mais do que com o sentido das palavras etc Enfim prop em um novo pacto entre cena e plateia que mesmo n o se instalando de forma contundente e clara como os espet culos do primeiro tipo cumprem a miss o de testar novas possibilidades de rela o e conforma o Ulisses Molly Bloom dan ando para adiar situa se a meu ver neste segundo caso A coragem e a ousadia de trazer para a cena aspectos da famosa obra de James Joyce aponta caminhos para outras propostas do g nero Um texto que representa as primeiras tentativas de moderniza o do romance n o poderia ser adaptado para o teatro simplesmente com base em seu enredo Seria preciso que tamb m a linguagem teatral fosse confrontada Confiar amos ainda s palavras e ao racioc nio l gico as chaves do sentido Limitar amos a odisseia do personagem ao espa o c nico fechado convencional O p blico seria observador ouvinte ou companheiro de viagem Dublin seria uma paisagem da mem ria da imagina o ou da composi o com a cidade aqui agora da narrativa Ulisses e sua amada atravessam os tempos e nos alcan am com sua coreografia de palavras e gestos convidando nos a tentar compreender o nexo das coisas inclu do a o pr prio teatro Assisti a uma das primeiras apresenta es do trabalho em Suzano S o Paulo Ainda havia ajustes a fazer em rela o ao volume de voz clareza de algumas falas ao ritmo defini o de alguns estados por
quinta-feira, 7 de junho de 2012 Ulisses Molly Bloom     dan  ando para adiar - Anota    es de viagem  Tenho notado de uns...
exemplo Talvez com o tempo o grupo possa envolver um pouco mais o p blico se n o fisicamente ao menos na cria o de uma atmosfera mais intensa de cumplicidade para com o personagem que vaga Gosto de pensar que eu tamb m como espectadora empreendi minha odisseia ate chegar ao teatro Gosto de pensar o espet culo como um ponto significativo na trajet ria do meu dia Um ponto que irei conservar na mem ria e poderei recapitular para melhor compreender como faz Ulisses Parab ns Cia Estrela d Alva pela reuni o de tantos e t o bons profissionais em torno do projeto Haveria muito mais a dizer Sempre Por m fecho este breve coment rio falando do empenho dos atores tocante acompanhar t o de perto o seu esfor o Vejo os como duplos de seus personagens L gia e Paulo perseguindo Molly e Ulisses incansavelmente Eles escapam se escondem enganam os int rpretes Talvez Joyce fa a isso conosco tamb m ofere a pistas que logo s o retiradas ou mostram se falsas O fato que os atores est o tamb m esgotados ao fim do espet culo jornada e eu vejo que a busca ainda vai continuar por muito tempo Essa dos artistas que querem propor novas maneiras de fazer e fruir o teatro Ad lia Nicolete
exemplo. Talvez com o tempo o grupo possa envolver um pouco mais o p  blico, se n  o fisicamente, ao menos na cria    o de...
Espet culo apresenta obra de James Joyce pelas ruas de S o Paulo Por Guilherme Bryan especial para a Rede Brasil Atual A atriz L gia Helena em cena de montagem inusitada de texto de James Joyce em S o Paulo Sueli Almeida divulga o Um ator de pijama caminha e divaga por um quarto contornado por v rios abajures uma mesinha com aparelhos para fazer caf e forrado por um len ol branco no ch o onde est deitada uma mulher Com cadeiras ao redor o espectador convidado a se aconchegar e come ar a acompanhar a hist ria de Leopold Bloom um t pico irland s do in cio do s culo XX extremamente apaixonado pela esposa Molly Assim o mote do espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar atualmente em cartaz na Casa das Rosas em S o Paulo de gra a e baseado na obra do romancista contista e poeta irland s James Joyce que teria completado 130 anos em 2 de fevereiro A pe a trata desde temas cotidianos que pertencem rotina de um homem que vai ao trabalho at as divaga es em torno da rela o constru da por ele com a deslumbrante esposa Molly que ao mesmo tempo em que o encanta tamb m o amedronta Por m se o texto parece em alguns momentos muito distante do p blico do s culo XXI e n o pouco se faz para resolver o problema o grande charme est em se valer de recursos aparentemente simples como um megafone para transportar o espectador numa viagem temporal pelos diferentes ambientes da Casa das Rosas e em seu torno que inclui trecho da Avenida Paulista e do bairro do Para so imposs vel n o ficar encantado com os contrastes provocados e que muitas vezes s o evidenciados pelos pr prios atores como quando Leopold Bloom menciona as estrelas e o ator Paulo Gircys aponta para a placa do banco Ita O aparentemente desajeitado ator Paulo Gircys consegue segurar o espet culo como um misto de irland s do s culo XIX destaque aqui tamb m para os excelentes figurinos e de cicerone dos espectadores pelas ruas de S o Paulo J L gia Helena passa os primeiros momentos da pe a praticamente desacordada parece come ar um pouco fria mas aos poucos vai arrebatando o p blico de modo entusiasmante principalmente nos momentos em que faz parte dos del rios ou lembran as de Leopold Bloom Eles tamb m interagem bastante com o p blico escolhendo inclusive uma pessoa para dan ar com eles na rua com a noite enluarada ou chuvosa Portanto a pe a Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar de Marcelo Giannini e Carina Prestupa respons veis pelo texto e pela dire o pode em muitos momentos soar distante do espectador e de dif cil assimila o mas possui uma concep o c nica que supera quaisquer defici ncias seja pela qualidade da encena o concebida por Marcelo Giannini e pela dramaturgia de Lucienne Guedes e Marcio Castro E encanta tamb m por mostrar um trecho bastante frequentado da capital paulistana por um prisma completamente inusitado e in dito Servi o Pe a Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar Cia Estrela D Alva de Teatro At 27 10 sexta feira 20h e s bado 16h Gr tis Casa das Rosas Avenida Paulista 31 Bela Vista S o Paulo SP Rede Brasil Atual http www redebrasilatual com br blog curta essa dica espetaculo apresenta obra de jamesjoyce pelas ruas de sao paulo
Espet  culo apresenta obra de James Joyce pelas ruas de S  o Paulo  Por  Guilherme Bryan, especial para a Rede Brasil Atua...
Cr tica publicada no site do grupo para a interven o no Bloomdsay EU COMI Por Helo sa Alvarez E deveria come ar assim toda cr tica ou forma de simples agradecimento feito por todos que foram alimentados com o espet culo de s bado Sou completamente suspeita para falar Numa fileira de feitores sendo investigados pelo crime cometido sou a primeira acusada por morrer de amores por esse grupo N o poderia ser diferente estou amando Se n o for muito abusivo antes mesmo de falar do espet culo gostaria de falar da minha particularidade no momento Chegando casa Guilherme senti o estomago ansioso Era um dia de muita expectativa Senti medo por saber da tamanha responsabilidade que coloquei no ombro de amigos Principalmente de tr s amigos daqueles com letras grandes de comercial de cerveja Amigos de longa data longa jornada de admira o eterna Apenas desejei gostar gostar muito Sentei e esperei Meu cora o apressado bateu devagar em seguida Ao final depois de ter chorado rido corrido caminhado empurrado algumas senhoras de idade visto um rato morto no cemit rio uma banda de jazz em um sebo tentado observar o inobserv vel dan ado com Bloom SIM dancei cheguei a ponto de deixar de ser uma observadora pesquisando para uma grande cr tica posterior Percebi que n o existiam mais expectativas Eu disse SIM Eu corri tal como os personagens tentando identificar quem era ele eu sou quem e eu ele era eu Eu percebi que eu ele entendi entendeu que de t o perdido o sentimento misturado na a o ele eu dan amos Dancei Corri meu Bloom por meio aos carros buzinando ao som de pessoas t o alienadas em seu pequeno ve culo de quatro metros quadros em seus territ rios intoc veis longe da turbul ncia que passou por eles Passei Fluxo de consci ncia Dan ando para adiar que horas o enterro s onze creio N o vi o jornal Em uma tarde Dublin meio a Av Dr Arnaldo passei vi passar passamos Perdidos em um nico dia junto aos muitos pensamentos que n o conectam e nem pretendem Pelos epis dios dessa Odisseia associado pela cor arte parte do corpo humano local hor rio tudo que foi completamente pensado e estruturado Odisseu Ulisses apenas Poldy o guri que sente e que ri com o invis vel em uma caminhada peripat tica dan ou Quanto ao espet culo nada tenho a dizer n o sei do que se trata n o pude ver Estive perdida em uma tarde uma tarde em meus pensamentos Este o livro ao qual todos somos devedores e do qual nenhum de n s pode escapar
Cr  tica publicada no site do grupo para a interven    o no Bloomdsay EU COMI Por Helo  sa Alvarez E deveria come  ar assi...
O Ulysses da Avenida Paulista Posted by Nilton Carvalho setembro 27 2012 A genialidade de James Joyce foi capaz de buscar inspira o na hom rica Odisseia para narrar um dia na vida de Leopold Bloom no cl ssico Ulysses O cen rio da narrativa que tamb m ganhou uma adapta o no cinema foi Dublin terra natal escritor Na obra Joyce transformou a saga do her i mitol gico em 24 horas na vida do cidad o irland s Bloom fato que faz com que Ulysses soe contempor neo principalmente pela f cil identifica o com o personagem Com uma adapta o muito pr xima do livro a Cia Estrela D Alva de Teatro leva o espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar Casa das Rosas em S o Paulo cujo personagem troca as ruas de Dublin pela Avenida Paulista Dan ando pelos espa os da cidade Bloom atravessa pra as bares e cal adas at retornar ao lar sempre com sua amada Molly no pensamento Quem assina a dramaturgia Lucienne Guedes e Marcio Castro com dire o de Marcelo Gianini e Carina Prestupa provoca o c nica de Luiz Fernando Marques e dire o de arte de Marcelo Denny Se a obra de Joyce j dialogava com o cidad o comum a identifica o ficar ainda mais contundente com o personagem que tem sua hist ria contada na Avenida Paulista Servi o Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar At 27 de outubro s sextas feiras s 20h e aos s bados s 16h Casa das Rosas S o Paulo Av Paulista 31 Bela Vista Entrada Gratuita Distribui o de ingressos 01h00 antes do espet culo Obs dia 12 de outubro n o haver espet culo Cultura no Prato http culturanoprato wordpress com 2012 09 27 o ulysses da avenida paulista
O Ulysses da Avenida Paulista Posted by Nilton Carvalho     setembro 27, 2012      A genialidade de James Joyce foi capaz ...
PRINCIPAIS MAT RIAS
PRINCIPAIS MAT  RIAS
James Joyce em SP Em comemora o ao Bloomsday a capital paulista organiza eventos em homenagem ao escritor irland s TAGS Bloomsday James Joyce Literatura Teatro Ulysses Mariana Marinho Sobre o ch o repousa Molly Boom Carina Prestupa coberta por um len ol branco Sentado numa cadeira Leopold Bloom Paulo Gircys exibe suas roupas de baixo uma regata branca um cal o de mesma cor e meias verdes Numa pequena mesa se encontram duas x caras uma cafeteira e um coador de caf Pendurada na cadeira est o as vestes verdes de Bloom Numa das pontas da lona parda que cobre o ch o pode se ver uma garrafa e um copo Em outra dois pequenos pratinhos de metal Perto de Molly h um vidrinho com um conte do pastoso Mais adiante uma flor Dentro de alguns instantes o p blico que come a a entrar no espa o ser convidado a fazer e ser parte de uma viagem multissensorial a partir da obra Ulysses de James Joyce 1882 1941 Trata se do espet culo itinerante Ulysses Molly Bloom Dan ando para adiar encenado pela Cia Estrela D alva de Teatro no Centro Cultural de S o Paulo CCSP Durante a pe a a plateia levada a abandonar a sala e a ocupar a rua e os espa os do CCSP Na montagem Leopold Bloom sai de casa para cumprir sua agenda de trabalho por m acaba passando o dia vagando pela cidade adiando seu retorno ao lar enquanto assombrado e seduzido pela figura de sua mulher Molly Bloom Para Kil Abreu curador de teatro a sa da da sala fechada uma necessidade da pr pria obra Junto com o deslocamento espacial de Leopold Bloom h tamb m os deslocamentos da subjetividade O contato do personagem com a cidade essencial no romance e no espet culo porque coloca de p uma dupla tarefa que o enfrentamento do sujeito com ele mesmo e com a urbe a ponto de uma coisa quase se confundir com a outra Longe de ser apenas uma homenagem ao Ulysses de Joyce Ulysses Molly Bloom Dan ando para adiar estabelece um di logo com a obra Captando o esp rito do romance os dois atores mergulham numa s rie de experimenta es por meio de uma linguagem viva e rica e da utiliza o de poucos recursos c nicos Bloomsday A encena o de Ulysses Molly Bloom Dan ando para adiar est inserida na Ocupa o James Joyce Desde o dia 7 de junho o CCSP cedia uma s rie de eventos ligados ao escritor Al m do espet culo da Cia Estrela D alva de Teatro a programa o composta por uma oficina sobre experimenta o baseada na obra Finnegans Wake uma palestra ministrada pela professora da USP Munira Hamud Mutran sobre Ulysses e a apresenta o da pe a Odiss ia adaptada por Samir Yazbek e Marco Ant nio Rodrigues No dia 16 de junho a apresenta o de Ulysses Molly Bloom Dan ando para adiar ser gratuita em comemora o ao Bloomsday evento em homenagem a James Joyce neste mesmo dia no ano de 1904 que no romance Leopold Bloom perambula por Dublin O Bloomsday foi criado em S o Paulo no ano de 1988 por Haroldo de Campos 1929 2003 A comemora o paulistana inspirou outras cidades brasileiras como Florian polis SC Santa Maria RS Rio de Janeiro Belo Horizonte MG e Porto Alegre RS Na Irlanda o Bloomsday tido como feriado Em um mundo de efem rides med ocres o Bloomsday uma data em que se comemora n o um fato real mas a exist ncia de um personagem de fic o O que significa entre outras coisas uma valoriza o importante da coisa liter ria e por extens o da inven o da cria o argumenta Kil Abreu Al m do CCSP a casa Guilherme de Almeida a Casa das Rosas e o Finnegan s Pub tamb m organizam uma programa o especial para celebrar a 26 edi o paulistana do evento Confira a sele o CULT da programa o
James Joyce em SP Em comemora    o ao Bloomsday, a capital paulista organiza eventos em homenagem ao escritor irland  s TA...
Programa o 11 de junho s 19h Abrindo as celebra es do Bloomsday 2013 a professora Maria Teresa Quirino apresentar na Casa Guilherme de Almeida o tradutor Ant nio Houaiss focalizando sua pioneira tradu o de Ulysses 13 de junho s 19h A pe a Peer Gynt do noruegu s Henrik Ibsen cuja produ o dram tica foi objeto de ensaio do jovem James Joyce e o romance Ulysses de Joyce podem ser consideradas par dias livres da pica grega Odisseia As rela es entre as duas obras ser o abordadas na palestra Ulysses um Peer Gynt Irland s ministrada por P rola Wajnsztejn Marcelo T pia e Donny Correia na Casa Guilherme de Almeida 14 de junho s 19h Na Casa Guilherme de Almeida ser o lan ados os dois livros infantis rec m lan ados pela Editora Iluminuras cada um contendo um conto de James Joyce em tradu o de Dirce Waltrick do Amarante S o eles O gato e o diabo e Os gatos de Copenhague 15 de junho s 14h A Casa das Rosas abre suas portas para o simp sio Signos a Cole o Haroldiana a Poesia de antes e de agora O evento trata da import ncia da cole o cujo primeiro t tulo foi Panaroma do Finnegans Wake em 1971 dirigida por Haroldo de Campos at a data de sua morte 16 de junho s 16h No Finnegan s Pub ocorre o evento Mulheres de Joyce que consiste na leitura de fragmentos das obras Dublinenses Um retrato do artista quando jovem Ulysses e Finnegans Wake de Joyce em diversas tradu es e em v rios idiomas com apresenta o e coment rios de Maria Teresa Quirino Ao longo das leituras ser o apresentadas as can es Down by the Salley Gardens My Pretty Jane e Marble Halls pelo grupo Irish Dreams S lvia Mendon a Daniel T pia Bruno Baldim e M T pia Flower of the mountain e Danny Boy por Yun Jung Im com a participa o de Marcelo Freitas e Marcelo Watanabe 16 de junho s 21h30 A Casa Guilherme de Almeida participar de uma leitura internacional online promovida pelo James Joyce Centre de Dublin A Global Bloomsday Gathering a Reading of Ulysses Around the World Trata se de um evento compartilhado por mais de 20 cidades do mundo como Londres Auckland Zurich Chicago Shangai e Beijing entre outras No Brasil participar o S o Paulo e Santa Maria RS O link para assistir leitura integral que durar cerca de 24 horas http globalbloomsday com Ocupa o James Joyce Onde Centro Cultural S o Paulo R Vergueiro 1000 S o Paulo SP Quando 7 06 a 14 06 Info 11 3397 4002 ou www centrocultural sp gov br Bloomsday 2013 Onde Casa Guilherme de Almeida R Macap 187 S o Paulo SP Casa das Rosas Av paulista 37 S o Paulo SP e Finnegan s Pub R Cristiano Viana 358 S o Paulo SP Info www casaguilhermedealmeida org br www casadasrosas sp blogspot com e 11 3062 3232 http revistacult uol com br home 2013 06 james joyce em sp
Programa    o 11 de junho,   s 19h  Abrindo as celebra    es do Bloomsday 2013, a professora Maria Teresa Quirino apresent...
Ulisses em Santo Andr Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar Livre adapta o da obra Ulisses chega ao Sesc Santo Andr O Sesc Santo Andr recebe nos dias 6 e 13 s 20h o espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar Livremente inspirada na obra Ulysses do escritor irland s James Joyce a pe a um poema c nico que conta a travessia de Leopold Bloom pela cidade O ingresso custa R 12 Na encena o do cl ssico TAGS Sesc Santo Andr Teatro ulisses Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar http catracalivre folha uol com br tag ulisses molly bloom E2 80 93 dancando para adiar
Ulisses em Santo Andr    Ulisses Molly Bloom     Dan  ando para adiar  Livre adapta    o da obra Ulisses chega ao Sesc San...
Livre adapta o da obra Ulisses chega ao Sesc Santo Andr Reda o em 04 07 12 Espet culo da Cia Estrela D Alva retrata a trajet ria de um dia na vida de um homem comum em confronto com quest es ticas e amorosas O Sesc Santo Andr recebe nos dias 6 e 13 s 20h o espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar Livremente inspirada na obra Ulysses do escritor irland s James Joyce a pe a um poema c nico que conta a travessia de Leopold Bloom pela cidade O ingresso custa R 12 Na encena o do cl ssico de Joyce o foco o cotidiano de um homem comum que sai de casa com a desculpa de cumprir sua agenda de trabalho mas que passa o dia na tentativa de encontrar algo a fazer enquanto sua mulher Molly fica sozinha em casa Bloom vive e dan a a cidade dan a o retorno adia o retorno Entra em contato com um mundo extremamente vivo vaga pelas ruas encontra homens e mulheres alucina sem nunca conseguir se esquecer da imagem assustadora e sedutora de Molly que provoca desejo e medo O espet culo faz parte do projeto ABCena que lan a um olhar sobre o teatro criado e levado aos palcos por artistas ligados do ABC possibilitando o encontro do p blico com os encenadores as companhias e as escolas de teatro da regi o http catracalivre folha uol com br 2012 07 livre adaptacao da obra ulisses chega ao sesc santo andre
Livre adapta    o da obra Ulisses chega ao Sesc Santo Andr   Reda    o em 04 07 12  Espet  culo da Cia Estrela D   Alva re...
SANTO ANDR RECEBE ESPET CULO ULISSES MOLLY BLOOM quarta feira 6 de maio de 2015 Da Reda o Inspirado em obra de James Joyce pe a contar com cortejo em ruas pr ximas Casa da Palavra na Pra a do Carmo Foto Divulga o A companhia teatral Estrela D Alva e o grupo musical Quarteto Deriva apresentar o na quinta feira 7 s 17h o espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar livremente inspirado no romance Ulisses escrito por James Joyce e publicado em 1922 A atra o um poema c nico em que o teatro e a dan a s o o suporte da cena Com entrada gratuita a dura o do espet culo de 100 minutos A montagem come ar com um cortejo dos artistas pelas ruas pr ximas Pra a do Carmo e ao cal ad o da rua Oliveira Lima na regi o central Depois disso todos retornar o Casa da Palavra onde a pe a continuar a ser encenada No romance Leopold Bloom sai de sua casa no dia 16 de junho de 1904 junto com o amigo Stephen Dedalus cumpre com as tarefas do dia e pela noite retorna ao lar ao encontro da esposa Molly Bloom Inspirado na Odisseia de Homero Ulisses considerado o grande romance do s culo 20 narra as aventuras de Leopold e Dedalus pela Dublin do come o do s culo passado O autor da obra mistura estilos e refer ncias culturais A Cia Estrela D Alva foi criada em Santo Andr em 2005 e j produziu espet culos inspirados em nomes como Clarice Lispector Fernando Pessoa William Shakespeare e Bertolt Brecht A pe a Ulysses Molly Bloom Dan ando para Adiar tem a dire o de Carina Prestupa e Marcelo Gianini dramaturgia de Lucienne Guedes e Marcio Castro encena o de Marcelo Gianini e no elenco est o os atores Paulo Gircys e L gia Helena Os m sicos que ir o acompanhar s o Beto Sporleder sopro Daniel M ller piano e acordeon Guilherme Marques bateria e Rui Barossi baixo ac stico http www reporterdiario com br Noticia 514357 santo andre recebe espetaculo teatral ulisses mollybloom
SANTO ANDR   RECEBE ESPET  CULO    ULISSES MOLLY BLOOM    quarta-feira, 6 de maio de 2015  Da Reda    o  Inspirado em obra...
Outras mat rias em ordem cronol gica LITERATURA PROJETO ULISSES Coordena o Cia Estrela D Alva BATE PAPOS BATE PAPO COM CAETANO GALINDO ULISSES DE JAMES JOYCE Convidado Caetano Waldrigues Galindo 20 3 ter a feira 19h s 21h30 P blico leitores de James Joyce atores artistas lingUistas e demais interessados pelo entrecruzamento da obra liter ria com a obra teatral Inscri es no dia com meia hora de anteced ncia 30 vagas Caetano Waldrigues Galindo linguista e mais recente tradutor da obra de Joyce ir analisar aspectos da leitura de Ulisses as diferentes linguagens utilizadas no decorrer da obra e o seu ponto de vista como simples leitor do grande autor irland s BATE PAPO COM S RGIO DE CARVALHO A ODISSEIA DE HOMERO Convidado S rgio de Carvalho 23 3 sexta feira 19h s 21h30 P blico leitores de James Joyce atores artistas lingUistas e demais interessados pelo entrecruzamento da obra liter ria com a obra teatral Inscri es no dia com meia hora de anteced ncia 30 vagas O dramaturgo encenador e professor da ECA USP S rgio de Carvalho abordar A Odisseia de Homero obra fundadora de Ulisses apontando aspectos do mito na modernidade PROJETO ULISSES ENSAIOS ABERTOS E DEBATES Cia Estrela D Alva 21 3 quarta feira 9h s 12h debatedor Caetano Waldrigues Galindo 31 3 s bado 14h s 17h debatedor S rgio de Carvalho Indica o a partir de 14 anos 30 lugares por ensaio retirar convites com meia hora de anteced ncia Dois ensaios abertos do espet culo em processo de montagem pela Cia Estrela D Alva baseado na obra Ulisses de James Joyce Cada ensaio ser seguido de um debate com o p blico Esta recria o c nica faz dois recortes do romance joyceano um seguir os passos de Bloom Ulisses Moderno tra ando paralelos com o Ulisses cl ssico dois encenar o mon logo final de sua esposa Molly Bloom dando nfase literalidade das palavras Fundada em 2005 a Cia Estrela D Alva montou os espet culos A Hora da Estrela de Clarice Lispector Alberto Caeiro Ele Mesmo do heter nimo de Fernando Pessoa Hamlet S A de William Shakespeare e Heiner Muller e A Incr vel Batalha pelo Tesouro de Ladu das obras Hor cios e Curi cios de Bertolt Brecht e Hor cio de Heiner M ller http www oficinasculturais org br programacao capital 1 semestre 2012 amacio mazzaropi php Oficina Cultural Am cio Mazzaroppi
Outras mat  rias em ordem cronol  gica  LITERATURA PROJETO ULISSES Coordena    o  Cia. Estrela D Alva. BATE-PAPOS BATE-PAP...
Pe a Ulisses Molly Bloom dan ando para adiar atrai p blico ao Centro Cultural Batu ra S o Sebasti o segunda feira 4 de junho de 2012 Foto Milton Fagundes PMSS Atores da pe a interagem com o p blico Com di logos bastante psicod licos numa perfeita intera o com a plateia a pe a Ulisses Molly Bloom dan ando para adiar do grupo Cia Estrela D Alva de Santo Andr realizou apresenta es neste s bado e domingo 2 e 3 no Centro Cultural Batu ra no S o Francisco regi o central de S o Sebasti o O espet culo conta a hist ria de um casal que dialoga com o p blico mostrando suas frustra es e anseios A atriz Ligia Helena explica melhor a pe a Falamos sobre a vida do casal Bloom Durante o espet culo que dura em torno de duas horas mostramos ao p blico tra os de uma rela o de amor ci mes inveja e mais uma vez amor sentimentos vividos por casais que se amam Do Centro Cultural praia em frente as ruas foram totalmente ocupadas pela encena o que chamou o p blico a acompanhar os passos do personagem Bloom a partir de sua fala me fa am companhia Inspirada no livro James Joyci Ulisses a pe a conta a trajet ria do personagem que sai de sua casa pela manh pega diversas coisas pelo caminho e as guarda no bolso do palet e que ao chegar em casa deposita todos os objetos no ch o como um s mbolo de retorno ao lar Achei o m ximo Fiquei muito feliz em prestigiar uma pe a interessante como esta melhor ainda bem perto da gente afirmou a moradora do bairro Antonieta Souza 62 Tamb m gostei muito porque eles interagem diretamente com o p blico Eu mesmo fui pego de surpresa ao ser convidado pela atriz para dan ar com ela em um dos becos da praia Foi uma experi ncia muito legal frisou outro morador Emanuel da Costa 68 Na manh de domingo o p blico presente no s bado p de voltar e participar da oficina A pedagogia no processo criativo junto aos atores onde foi trabalhado todo o processo utilizado por eles durante a cria o do espet culo O objetivo desta oficina principalmente discutir com o p blico a opini o deles sobre a pe a e passar todos os exerc cios pr ticos feitos por n s durante o preparo das cenas dan as jogos corporais e exerc cios de voz explicou a atriz Ligia Helena TF RF Fonte Depto de Comunica o Prefeitura de S o Sebasti o http www saosebastiao sp gov br finaltemp news asp ID N462012155340
Pe  a    Ulisses Molly Bloom dan  ando para adiar    atrai p  blico ao Centro Cultural Batu  ra S  o Sebasti  o, segunda-f...
Suzano Galp o das Artes recebe sete espet culos a partir desta quinta feira 7 6 junho 4 2012 Fonte Prefeitura de Suzano 4 6 2012Galp o das Artes recebe sete espet culos a partir desta quinta feira 7 6 Divulga o A partir desta quinta feira 7 6 o p blico poder conferir gratuitamente sete espet culos com diferentes enfoques no Galp o das Artes rua Nove de Julho 267 Centro Destes seis s o trazidos por meio do Programa de A o Cultural Proac da Secretaria Estadual da Cultura As atividades seguem at 30 de junho e a classifica o et ria de 12 anos O incentivo Cultura a Mostra de Refer ncias Teatrais e a articula o dos artistas do munic pio fizeram com que Suzano se tornasse uma refer ncia nas artes c nicas e palco de constantes apresenta es de importantes grupos do Estado de S o Paulo Suzano refer ncia e recebe muitos espet culos gratuitos via Proac porque uma cidade acolhedora que ao longo do tempo tem bons relacionamentos com a rede de artistas do teatro destaca o coordenador de Artes C nicas da secretaria municipal de Cultura Cleiton Pereira Al m disso segundo Pereira s o poucos os munic pios que possuem um espa o p blico como o Galp o das Artes uma conquista do movimento de teatro da cidade O local recebe cerca de cem encena es por ano al m de abrigar projetos de circula o de outros munic pios um espa o que respeita as linguagens os processos e a identidade dos grupos refor a o coordenador A programa o ser aberta com o espet culo Ulysses Molly Bloom Dan ando Para Adiar da Cia Estrela D Alva que contar com apresenta es nesta quinta e sexta feira 7 e 8 6 Baseada na obra Ulysses de James Joyce a pe a narra a trajet ria de Leopold Bloom que sai de casa com a desculpa de cumprir a agenda de trabalho mas que na verdade passa o dia dan ando pela cidade Enquanto isso sua mulher Molly fica sozinha em casa espera de outro homem Confira abaixo a programa o deste m s Espet culos Sempre s 20h no Galp o das Artes 7 e 8 6 Ulysses Molly Bloom Dan ando Para Adiar Narra a trajet ria de Leopold Bloom que sai de casa com a desculpa de cumprir a agenda de trabalho mas que na verdade passa o dia dan ando pela cidade 10 6 Sobre Homens e Caranguejos Trama sobre um menino que chegou cidade e aos mangues com seu pai fugindo da seca depois da morte do irm o mais velho 15 6 A Guerra de Stephen Baseada no primeiro romance l sbico da hist ria texto relata o per odo da Primeira Guerra Mundial em que Stephen Gordon serviu na Fran a Ela descobre a possibilidade de amar em meio a bombas e granadas 16 e 17 6 Dois Perdidos Numa Noite Suja O tema central a rela o e condi o de dois indiv duos O espet culo extrai sentimentos vis veis da sociedade em que vivemos insensibilidade consumismo individualidade
Suzano  Galp  o das Artes recebe sete espet  culos a partir desta quinta-feira  7 6  junho 4, 2012 Fonte  Prefeitura de Su...
22 23 e 24 6 Orinoco Com dia do dramaturgo mexicano Emilio Carballido Na montagem duas atrizes decadentes a caminho de um campo petroleiro se descobrem sozinhas num barco deriva 29 6 Sobre os Males que o Fumo Produz No mon logo o personagem Ivan Ivanovitch por imposi o de sua esposa apresenta se para realizar uma confer ncia beneficente sobre os malef cios do fumo 30 6 Cad le Meu Bolo de Roda Texto baseado numa pesquisa do cotidiano dos cai aras da regi o do Vale do Ribeira G ssica Brandino Sua Cidade http suacidade org suzano galpao das artes recebe sete espetaculos a partir desta quinta feira 76
22, 23 e 24 6        Orinoco    Com  dia do dramaturgo mexicano Emilio Carballido. Na montagem, duas atrizes decadentes a ...
Suzano exibe espet culos gratuitos Ter 05 de Junho de 2012 12 05 Quem estiver em busca de um programa cultural nesta quinta feira feriado de Corpus Christi encontra no Galp o das Artes em Suzano o espet culo Ulysses Molly Bloom Dan ando Para Adiar A atra o da Cia Estrela D Alva poder ser conferida s 20 horas com reapresenta o no dia seguinte no mesmo hor rio Ulysses Molly Bloom Dan ando Para Adiar baseada na obra Ulysses de James Joyce A pe a narra a trajet ria de Leopold Bloom que sai de casa com a desculpa de cumprir a agenda de trabalho mas que na verdade passa o dia dan ando pela cidade Enquanto isso sua mulher Molly fica sozinha espera de outro homem A pe a inaugura uma programa o que inclui apresenta es de sete espet culos com diferentes enfoques Seis deles s o trazidos por meio do Programa de A o Cultural Proac da Secretaria Estadual da Cultura As atividades seguem at 30 de junho e a classifica o et ria de 12 anos http www odiariodemogi inf br caderno a caderno a 2167 suzano exibe espetaculos gratuitos html
Suzano exibe espet  culos gratuitos Ter, 05 de Junho de 2012 12 05  Quem estiver em busca de um programa cultural nesta qu...
Espet culo Em cartaz nesta sexta feira s 20 horas no Galp o das Artes na Rua Nove de Julho 267 em Suzano o espet culo Ulysses Molly Bloom Dan ando Para Adiar com a Cia Estrela D Alva que faz parte de uma s rie do Programa de A o Cultural da Secretaria Estadual da Cultura As atividades seguem gratuitamente at o pr ximo dia 30 http www odiariodemogi inf br caderno a circuito 2307 3o noite do bem do fundo social html
Espet  culo Em cartaz nesta sexta-feira,   s 20 horas, no Galp  o das Artes, na Rua Nove de Julho, 267, em Suzano, o espet...
Espet culo Ulysses Molly Bloom Dan ando Para Adiar da Cia Estrela D Alva s 16 29 0 coment rios 7 e 8 6 20h Ulysses Molly Bloom Dan ando Para Adiar conta a trajet ria de homem Leopold Bloom que sai de casa com a desculpa do cumprimento de sua agenda de trabalho mas que na verdade passa o dia tentando encontrar algo para fazer e inventar Enquanto isso sua mulher Molly fica sozinha em casa espera de outro homem Bloom vive a cidade dan a a cidade dan a o retorno adia o retorno entra em contato com um mundo extremamente vivo vaga pela cidade pelas ruas encontra homens alucina sem nunca conseguir se esquece da imagem de molly uma figura assustadora e sedutora que provoca medo em Bloom Um poema independente a partir da obra Ulysses de James Joyce em que o teatro e a dan a s o o suporte de escrita Classifica o indicativa 12 anos gratuito local Galp o das Artes Rua 9 de Julho 267 Suzano Centro tel 4759 4865
Espet  culo    Ulysses Molly Bloom   Dan  ando Para Adiar   , da Cia. Estrela D   Alva   s 16 29 0 coment  rios 7 e 8 6 - ...
programa o ABCENA Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar SESC Santo Andr Dia s 06 07 13 07 Sextas s 20h A Cia Estrela D Alva encena o cl ssico texto do escritor irland s James Joyce que retrata a trajet ria de um dia ordin rio na vida de um homem comum nos colocando em confronto com quest es simples do homem como a tica e o amor Texto James Joyce Adapta o Lucienne Guedes e Marcio Castro Dire o Marcelo Gianini Com L gia Helena e Paulo Vitor Gircys No Teatro http www sescsp org br sesc programa_new mostra_detalhe cfm programacao_id 224100
programa    o ABCENA Ulisses Molly Bloom     Dan  ando para adiar SESC Santo Andr   Dia s  06 07, 13 07 Sextas,   s 20h  A...
Sesc Santo Andr apresenta montagem do texto de James Joyce Avalia o do Usu rio Pior 1 Melhor Publicado por Bleh Qui 28 de Junho de 2012 09 24 Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar Espet culo da Cia Estrela D Alva uma livre adapta o da obra Ulisses e retrata a trajet ria de um dia na vida de um homem comum em confronto com quest es ticas e amorosas O SESC Santo Andr apresenta nos dias 06 e 13 de julho o espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar Livremente inspirada na obra Ulysses do escritor irland s James Joyce a pe a um poema c nico que conta a travessia de Leopold Bloom pela cidade Na encena o do cl ssico de Joyce o foco o cotidiano de um homem comum que sai de casa com a desculpa de cumprir sua agenda de trabalho mas que passa o dia na tentativa de encontrar algo a fazer enquanto sua mulher Molly fica sozinha em casa Bloom vive e dan a a cidade dan a o retorno adia o retorno Entra em contato com um mundo extremamente vivo vaga pelas ruas encontra homens e mulheres alucina sem nunca conseguir se esquecer da imagem assustadora e sedutora de Molly que provoca desejo e medo em Bloom O espet culo faz parte do projeto ABCena que lan a um olhar sobre o teatro criado e levado aos palcos por artistas ligados do ABC possibilitando o encontro do p blico com os encenadores as companhias e as escolas de teatro da regi o FICHA T CNICA Cia Estrela D Alva de Teatro Encena o Marcelo Gianini Dire o Carina Prestupa Com L gia Helena e Paulo Vitor Gircys Dramaturgia Lucienne Guedes e Marcio Castro Dire o de Arte Marcelo Denny Trabalho de voz Paula Carrara Trabalho de corpo Juliana Monteiro Provoca o c nica Luiz Fernando Marques Consultoria te rica S rgio de Carvalho e Caetano W Galindo Ilumina o Jorge Pezzolo Contra regras Mar Zamaro Fotografia Sueli Almeida
Sesc Santo Andr   apresenta montagem do texto de James Joyce Avalia    o do Usu  rio  Pior   1 Melhor  Publicado por Bleh ...
SERVI O ULISSES MOLLY BLOOM DAN ANDO PARA ADIAR Dias 06 e 13 de julho sextas feiras s 20h Faixa Et ria 12 anos Local Teatro Dura o 100 minutos Ingressos venda na rede INGRESSOSESC R 12 00 inteira R 6 00 usu rio matriculado no SESC e dependentes de 60 anos estudantes e professores da rede p blica de ensino R 3 00 trabalhador no com rcio e servi os matriculados no SESC e dependentes Acesso para deficientes f sicos Estacionamento no pr prio SESC R 3 00 a primeira hora e R 1 00 cada hora adicional desconto de 50 para matriculados A partir de 7 de julho aos s bados domingos e feriados o SESC Santo Andr funcionar das 10h s 18h30 SESC Santo Andr Rua Tamarutaca 302 Vila Guiomar Santo Andr SP Informa es 11 4469 1200
    SERVI  O  ULISSES MOLLY BLOOM     DAN  ANDO PARA ADIAR Dias  06 e 13 de julho, sextas-feiras,   s 20h Faixa Et  ria  1...
Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar Espet culo da Cia Estrela D Alva uma livre adapta o da obra Ulisses e retrata a trajet ria de um dia na vida de um homem comum em confronto com quest es ticas e amorosas O SESC Santo Andr apresenta nos dias 06 e 13 de julho o espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar Livremente inspirada na obra Ulysses do escritor irland s James Joyce a pe a um poema c nico que conta a travessia de Leopold Bloom pela cidade Na encena o do cl ssico de Joyce o foco o cotidiano de um homem comum que sai de casa com a desculpa de cumprir sua agenda de trabalho mas que passa o dia na tentativa de encontrar algo a fazer enquanto sua mulher Molly fica sozinha em casa Bloom vive e dan a a cidade dan a o retorno adia o retorno Entra em contato com um mundo extremamente vivo vaga pelas ruas encontra homens e mulheres alucina sem nunca conseguir se esquecer da imagem assustadora e sedutora de Molly que provoca desejo e medo em Bloom O espet culo faz parte do projeto ABCena que lan a um olhar sobre o teatro criado e levado aos palcos por artistas ligados do ABC possibilitando o encontro do p blico com os encenadores as companhias e as escolas de teatro da regi o FICHA T CNICA Cia Estrela D Alva de Teatro Encena o Marcelo Gianini Dire o Carina Prestupa Com L gia Helena e Paulo Vitor Gircys Dramaturgia Lucienne Guedes e Marcio Castro Dire o de Arte Marcelo Denny Trabalho de voz Paula Carrara Trabalho de corpo Juliana Monteiro Provoca o c nica Luiz Fernando Marques Consultoria te rica S rgio de Carvalho e Caetano W Galindo Ilumina o Jorge Pezzolo Contra regras Mar Zamaro Fotografia Sueli Almeida SERVI O ULISSES MOLLY BLOOM DAN ANDO PARA ADIAR Dias 06 e 13 de julho sextas feiras s 20h Faixa Et ria 12 anos
Ulisses Molly Bloom     Dan  ando para adiar Espet  culo da Cia Estrela D   Alva    uma livre adapta    o da obra Ulisses ...
Local Teatro Dura o 100 minutos Ingressos venda na rede INGRESSOSESC R 12 00 inteira R 6 00 usu rio matriculado no SESC e dependentes de 60 anos estudantes e professores da rede p blica de ensino R 3 00 trabalhador no com rcio e servi os matriculados no SESC e dependentes Acesso para deficientes f sicos Estacionamento no pr prio SESC R 3 00 a primeira hora e R 1 00 cada hora adicional desconto de 50 para matriculados A partir de 7 de julho aos s bados domingos e feriados o SESC Santo Andr funcionar das 10h s 18h30 SESC Santo Andr Rua Tamarutaca 302 Vila Guiomar Santo Andr SP Informa es 11 4469 1200
Local  Teatro Dura    o  100 minutos Ingressos    venda na rede INGRESSOSESC R  12,00  inteira   R  6,00  usu  rio matricu...
Agenda Cultural Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar Detalhes Publicado em Quinta 28 Junho 2012 15 47 Escrito por Caros Amigos inShare O SESC Santo Andr apresenta o espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar Livremente inspirado na obra Ulysses do escritor irland s James Joyce a pe a teatral da Cia Estrela D Alva um poema c nico que conta a travessia de Leopold Bloom pela cidade Na encena o do cl ssico de Joyce o foco o cotidiano de um homem comum que sai de casa com a desculpa de cumprir sua agenda de trabalho mas que passa o dia na tentativa de encontrar algo a fazer enquanto sua mulher Molly fica sozinha em casa Bloom vive e dan a a cidade dan a o retorno adia o retorno Entra em contato com um mundo extremamente vivo vaga pelas ruas encontra homens e mulheres alucina sem nunca conseguir se esquecer da imagem assustadora e sedutora de Molly que provoca desejo e medo em Bloom Onde SESC Santo Andr Rua Tamarutaca 302 Vila Guiomar Santo Andr SP Quando 06 e 13 de julho sextas feiras s 20h Quanto R 12 00 inteira R 6 00 usu rio matriculado no SESC e dependentes de 60 anos estudantes e professores da rede p blica de ensino R 3 00 trabalhador no com rcio e servi os matriculados no SESC e dependentes Informa es 11 4469 1200 http carosamigos terra com br index index php cultura teatro 2188 ulisses molly bloom dancando para adiar
Agenda Cultural Ulisses Molly Bloom     Dan  ando para adiar          Detalhes Publicado em Quinta, 28 Junho 2012 15 47 Es...
Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar A montagem da companhia Estrela D Alva uma livre adapta o de Ulisses de James Joyce e retrata a trajet ria de um dia na vida de um homem comum em confronto com quest es ticas e amorosas G nero Drama Dire o Carina Prestupa Com L gia Helena e Paulo Vitor Gircys Dura o 100 minutos Classifica o N o recomendado para menores de 12 anos Texto Lucienne Guedes e Marcio Castro http guia1 folha com br guia teatro drama 1513861 ulisses_molly_bloom_dancando_para_adiar
Ulisses Molly Bloom - Dan  ando para Adiar A montagem da companhia Estrela D Alva    uma livre adapta    o de  Ulisses , d...
Teatro da regi o foco de festival em S o Caetano 27 de Agosto de 2012 Os maiores grupos de teatro da regi o v o comparecer ao teatro Santos Dumont em S o Caetano para apresentar seus trabalhos na quarta edi o da Mostra dos Sete Panorama Teatral do Grande ABC que ocorre de hoje at domingo A principal atra o do festival a pe a Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar encenado pelos andreenses L gia Helena e Paulo Vitor Gircys da Cia Estrela D Alva A apresenta o ser amanh s 20h O evento tamb m estar recheado de espet culos infantis como Re Talhados do Grupo Artemis que ser encenada hoje s 15h Em O Gigante Ego sta a Cia Bonecos e Formas Animadas une atores e bonecos para fazer a adapta o do conto hom nimo de Oscar Wilde na sexta s 15h No s bado no mesmo hor rio o Grupo Garagem conta as aventuras de quatro crian as em O Livro M gico A programa o ser encerrada no domingo s 19h com a com dia A Torre em Concurso do N cleo 48 Ao ar livre A Cia Nove Atos decidiu apresentar o espet culo infantil Sonho de Padaria ao ar livre O local escolhido foi a pra a do Professor tel 4232 1237 onde s 20h de quinta os atores mostram a trama que explora a rela o entre fantasia e realidade Teatro Santos Dumont Tel 4221 8347 At 2 9 Gr tis Destak Jornal caetano 157682 http www destakjornal com br noticias diversao arte teatro da regiao e foco de festival em sao
Teatro da regi  o    foco de festival em S  o Caetano 27 de Agosto de 2012 Os maiores grupos de teatro da regi  o v  o com...
24 8 sexta a 26 8 domingo Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar O espet culo trata da trajet ria de um homem Leopold Bloom que sai de casa com a desculpa do cumprimento de sua agenda de trabalho mas que na verdade passa o dia na tentativa de encontrar algo para fazer e inventar J sua mulher Molly fica sozinha na espera de outro homem Um poema independente a partir da obra Ulysses de James Joyce em que o teatro e a dan a s o o suporte da escrita Com Cia Estrela D Alva de Teatro Encena o Marcelo Gianini Dire o de ator Carina Prestupa Com L gia Helena e Paulo Vitor Gircys Recomenda o et ria 14 anos Dura o 100 minutos Ingressos R 20 00 inteira e R 10 00 meia entrada para estudantes pessoas com 60 anos ou mais e com apresenta o de flyer Ser o disponibilizados 60 ingressos por sess o O p blico circular junto com o elenco pelos arredores do teatro Este espet culo foi selecionado no edital de ocupa o dos teatros Teatro Elis Regina Av Jo o Firmino 900 Bairro Assun o Tel 4351 3479 Dias 24 sexta 21h 25 s bado 20h e 26 domingo 20h Mordegane Agenda Cultural http www mordegane com br agenda cultural 284 teatro html Foto Divulga o Dias 24 sexta 21h 25 e 26 s bado e domingo as 20h Onde Teatro Elis Regina Av Jo o Firmino 900 Assun o SBCampo Tel 11 4351 3479 Quanto R 20 00 inteira e R 10 00 meia entrada para estudantes pessoas com 60 anos ou mais e com apresenta o de flyer Ser o disponibilizados 60 ingressos por sess o O que O espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar trata da trajet ria de Leopold Bloom que sai de casa com a desculpa do cumprimento de sua agenda de trabalho mas que na verdade passa o dia na tentativa de encontrar algo para fazer e inventar J sua mulher Molly fica sozinha na espera de outro homem Um poema independente a partir da obra Ulysses de James Joyce em que o teatro e a dan a s o o suporte da escrita O p blico circular junto com o elenco pelos arredores do teatro Com a Cia Estrela D Alva de Teatro Dire o Carina Prestupa Elenco L gia Helena e Paulo Vitor Gircys Indica o 14 anos Dura o 100 min Guia ABC Cultural http www abccultural com br 2012 08 programacao de 23 ate 30 de agosto html
24 8 sexta a 26 8 domingo Ulisses Molly Bloom     Dan  ando para Adiar O espet  culo trata da trajet  ria de um homem, Leo...
Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar P blico acompanha os atores pela rua em espet culo Entre 08 09 2012 e 27 10 2012 Baseada na obra Ulisses de James Joyce a pe a Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar estreia na Casa das Rosas em 8 de setembro O espet culo come a no local e o p blico convidado para circular pela Avenida Paulista conforme o enredo se desenrola Compartilhe Informa es Datas 8 de setembro a 27 de outubro de 2012 Hor rios Sexta 20h s bado 16h Pre os Gr tis Onde Casa das Rosas Guia da Semana http www guiadasemana com br evento artes e teatro ulisses molly bloom dancando para adiarcasa das rosas
Ulisses Molly Bloom - Dan  ando Para Adiar P  blico acompanha os atores pela rua em espet  culo  Entre 08 09 2012 e 27 10 ...
Em Cartaz s o paulo Ulisses Molly Bloom P blico passeia pela Avenida Paulista Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar a trajet ria de um homem Leopold Bloom que sai de casa na desculpa do cumprimento de sua agenda de trabalho e passa o dia na tentativa de encontrar algo a fazer e a inventar Enquanto isso sua mulher Molly fica sozinha em casa O espet culo come a na Casa das Rosas e o p blico convidado para circular pela Avenida Paulista conforme o enredo se desenrola Bloom vive e dan a a cidade Al m de entrar em contato com um mundo extremamente vivo vaga pelas ruas encontra homens e mulheres e alucina sem nunca conseguir se esquecer da imagem assustadora e sedutora de Molly O espet culo um poema c nico escrito por Lucienne Guedes e Marcio Castro livremente inspirado na obra Ulysses de James Joyce em que o teatro e a dan a s o o suporte da cena Carina Prestupa e Marcelo Gianini dirigem os atores L gia Helena e Paulo Gircys A entrada gratuita Ulisses Molly Bloom Casa das Rosas Avenida Paulista 31 Bela Vista Tel 11 3285 6986 Sexta s 20h s bados s 16h Espet culo n o recomendado para menores de 14 anos Em cartaz at 27 10 2012 Globo Teatro http www globoteatro com br emcartaz 1468 ulisses molly bloom htm
Em Cartaz  s  o paulo  Ulisses Molly Bloom P  blico passeia pela Avenida Paulista     Ulisses Molly Bloom     Dan  ando pa...
Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar Casa das Rosas 1928 At 27 10 2012 Um espet culo a partir da obra de James Joyce que recria a travessia de Leopold Bloom pela cidade Bloom vive e dan a a cidade dan a o retorno adia o retorno sem nunca conseguir se esquecer da imagem de Molly sua esposa que lhe provoca ao mesmo tempo desejo e medo Lugar Casa das Rosas 1928 Evento Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar D 01 09 2012 27 10 2012 Hor rio 20h00 21h40 Entrada Gr tis Classifica o 14 Anos Informa es complementares Distribui o de ingressos uma hora antes do espet culo dia 12 de outubro n o haver espet culo 35 lugares Rota 457 http www ruta457 com Event ulisses molly bloom dancando para adiar casa das rosas
Ulisses Molly Bloom - Dan  ando para adiar Casa das Rosas  1928   At    27 10 2012 Um espet  culo a partir da obra de Jame...
Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar Autor Lucienne Guedes e Marcio Castro Dire o Carina Prestupa e Marcelo Gianini Elenco L gia Helena e Paulo Vitor Gircys Local Espa o Casa Das Rosas G nero poema c nico Dura o 100 min Per odo At dia 27 de Outubro OBS dia 12 10 n o haver espet culo Hor rios Sex 20h S b 16h Ingr Entrada Gratuita SINOPSE DO ESPET CULO Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar a trajet ria de um homem Leopold Bloom que sai de casa na desculpa do cumprimento de sua agenda de trabalho mas que na verdade passa o dia na tentativa de encontrar algo a fazer e a inventar enquanto sua mulher Molly fica sozinha em casa Bloom vive e dan a a cidade dan a o retorno adia o retorno Entra em contato com um mundo extremamente vivo vaga pelas ruas encontra homens e mulheres alucina sem nunca conseguir se esquecer da imagem assustadora e sedutora de Molly que provoca desejo e medo em Bloom O espet culo um poema c nico livremente inspirado na obra Ulysses de James Joyce em que o teatro e a dan a s o o suporte da cena FICHA T CNICA DO ESPET CULO Encena o Marcelo Gianini Dire o Carina Prestupa Dramaturgia Lucienne Guedes e Marcio Castro Dire o de Arte Marcelo Denny Trabalho de voz Paula Carrara Trabalho de corpo Juliana Monteiro Provoca o c nica Luiz Fernando Marques Consultoria te rica S rgio de Carvalho e Caetano W Galindo Ilumina o Jorge Pezzolo Contra regras Mar Zamaro Fotografia Sueli Almeida Teatro Chik http teatrochik terra com br espetaculos espetaculo_principal asp codigo 2712 campo FichaTecnica
Ulisses Molly Bloom     Dan  ando para adiar  Autor  Lucienne Guedes e Marcio Castro Dire    o  Carina Prestupa e Marcelo ...
SUELI ALMEIRA Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar Teatro Casa das Rosas 08 09 12 a 27 10 12 Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar de James Joyce invade a Av Paulista e a Casa das Rosas A Cia Estrela D Alva de Teatro est em cartaz na Casa das Rosas com o espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar adapta o da obra de James Joyce que recria a travessia de Leopold Bloom pela cidade Bloom vive e dan a a cidade dan a o retorno adia o retorno sem nunca conseguir se esquecer da imagem de Molly sua esposa que provoca desejo e medo em Bloom O espet culo tem uma estrutura que se aproxima do formato do livro em que o personagem principal Leopold Bloom inicia seu dia em casa sai para um dia de trabalho voltando apenas no final do dia para a casa onde est sua esposa Molly Aqui o p blico entra na casa dos Bloom dentro da Casa das Rosas convidado a ir para a rua e acompanhar a trajet ria de um homem que tenta esquecer a imagem de sua esposa por trechos da Av Paulista pra as bares cal adas e volta para a Casa onde encontra Molly que inicia uma conversa com o p blico dentro de seu fluxo de pensamento da rela o com o homem que acaba de dormir Informa es Local Casa das Rosas End Avenida Paulista 37 Bela Vista Pr ximo esta o Brigadeiro do metr Datas 08 de setembro a 27 de outubro de 2012 12 de outubro n o haver espet culo Hor rios Sextas s 20h S bados s 16h S o Paulo SP Pre o Entrada Franca Filtro Cultural http www filtrocultural com br 1664 Ulisses Molly Bloom Dancando para adiar emCasa das Rosas
SUELI ALMEIRA  Ulisses Molly Bloom - Dan  ando para adiar Teatro   Casa das Rosas - 08 09 12 a 27 10 12 Ulisses Molly Bloo...
Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar Data at 27 10 2012 exceto 12 10 Hora sex s 20h s b s 16h Local Casa das Rosas Av Paulista 31 Bela Vista S o Paulo SP RELEASE A pe a Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar est em cartaz na Casa das Rosas em S o Paulo Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar a trajet ria de um homem Leopold Bloom que sai de casa na desculpa do cumprimento de sua agenda de trabalho mas que na verdade passa o dia na tentativa de encontrar algo a fazer e a inventar enquanto sua mulher Molly fica sozinha em casa Bloom vive e dan a a cidade dan a o retorno adia o retorno Entra em contato com um mundo extremamente vivo vaga pelas ruas encontra homens e mulheres alucina sem nunca conseguir se esquecer da imagem assustadora e sedutora de Molly que provoca desejo e medo em Bloom O espet culo um poema c nico livremente inspirado na obra Ulysses de James Joyce em que o teatro e a dan a s o o suporte da cena Entrada Gratuita Distribui o de ingressos 01h00 antes do espet culo Trilha Cultural http www trilhacultural com br agendaCultural teatro 13828_Ulisses Molly Bloom Danando paraadiar php
Ulisses Molly Bloom     Dan  ando para adiar Data  at   27 10 2012  exceto 12 10   Hora  sex   s 20h, s  b   s 16h  Local ...
Ulisses Molly Bloom A montagem da companhia Estrela D Alva uma livre adapta o de Ulisses de James Joyce e retrata a trajet ria de um dia na vida de um homem comum em confronto com quest es ticas e amorosas G nero Drama Dire o Carina Prestupa Com L gia Helena e Paulo Vitor Gircys Dura o 100 minutos Classifica o N o recomendado para menores de 14 anos Texto Lucienne Guedes e Marcio Castro sala 2 Jardim Av Paulista 37 Bela Vista Centro Telefone 3285 6986 N o tem rea para fumantes N o aceita reservas N o tem ar condicionado Gr tis Tem acesso para deficiente Proibido fumar Tem local para comer 30 lugares Estac R 11 p 3 h na al Santos 74 conv nio Quando Dia 28 20h Dia 29 16h Dia 13 10 16h Dia 19 10 20h Dia 20 10 16h At 27 10 Guia da Folha http guia1 folha com br guia teatro drama 1513861 ulisses_molly_bloom free_ticket yes
Ulisses Molly Bloom A montagem da companhia Estrela D Alva    uma livre adapta    o de  Ulisses , de James Joyce, e retrat...
Sex 28 09 12 15h50 Pe a leva p blico a passear pela avenida Paulista Espet culo Ulisses Molly Bloom dan ando para adiar ser exibido s sextas e s bados at o dia 27 de outubro Sueli Almeida Espet culo come a na Casa das Rosas e depois percorre outros pontos da Avenida Paulista Um espet culo diferente Come a dentro da Casa das Rosas vai para a Avenida Paulista pra as e bares do entorno e retorna institui o para dar continuidade e finalizar Trata se da pe a Ulisses Molly Bloom dan ando para adiar poema c nico dos dramaturgos Lucienne Guedes e Marcio Castro inspirado em Ulisses do romancista irland s James Joyce 1882 1941 considerada por muitos cr ticos a obra mais importante do s culo 20 escrita entre 1914 e 1921 Na trama Leopold Bloom sai de casa pela manh cumpre suas tarefas do dia mas na verdade inventa algo para fazer at retornar ao apartamento onde sua mulher Molly o espera O teatro e a dan a s o o suporte da cena O p blico convidado a ir para a rua e acompanhar a trajet ria do homem que vive e dan a a cidade adia a volta sem nunca conseguir se esquecer da imagem assustadora e sedutora da esposa que lhe provoca desejo e medo Com a Cia Estrela D Alva de Teatro Dire o de Marcelo Gianini e Carina Prestupa Com os atores L gia Helena e Paulo Gircys SERVI O Ulisses Molly Bloom dan ando para adiar Sextas feiras 20 horas s bados 16 horas Casa das Rosas Avenida Paulista 31 Bela Vista S o Paulo Telefone 11 3285 6986 Entrada franca Classifica o 14 anos At 27 de outubro Do Portal do Governo do Estado http saopaulo sp gov br spnoticias lenoticia php id 222879 c 6
Sex, 28 09 12 - 15h50  Pe  a leva p  blico a passear pela avenida Paulista  Espet  culo Ulisses Molly Bloom     dan  ando ...
Casa das Rosas Av Paulista 37 Para so Tel 3285 6986 Espet culos em cartaz ULISSES MOLLY BLOOM DAN ANDO PARA ADIAR De Lucienne Guedes e Marcio Castro Dir Carina Prestupa um espet culo a partir da obra de James Joyce que recria a travessia de Leopold Bloom pela cidade Bloom vive e dan a a cidade dan a o retorno adia o retorno sem nunca conseguir se esquecer da imagem de Molly sua esposa que provoca desejo e medo em Bloom Com L gia Helena e Paulo Vitor Gircys 100 min Casa das Rosas Av Paulista 37 Para so Tel 3285 6986 Sex 20h S b 16h Gratuito At 27 10 14 anos Guia de Teatro http www guiadeteatro com br Teatros php t ok teatro 144
Casa das Rosas Av. Paulista, 37     Para  so - Tel  3285-6986 Espet  culos em cartaz  ULISSES MOLLY BLOOM - DAN  ANDO PARA...
Bela Vista pe a leva p blico a passear pela avenida Paulista sexta feira 28 de setembro de 2012 Um espet culo diferente Come a dentro da Casa das Rosas vai para a Avenida Paulista pra as e bares do entorno e retorna institui o para dar continuidade e finalizar Trata se da pe a Ulisses Molly Bloom dan ando para adiar poema c nico dos dramaturgos Lucienne Guedes e Marcio Castro inspirado em Ulisses do romancista irland s James Joyce 1882 1941 considerada por muitos cr ticos a obra mais importante do s culo 20 escrita entre 1914 e 1921 Na trama Leopold Bloom sai de casa pela manh cumpre suas tarefas do dia mas na verdade inventa algo para fazer at retornar ao apartamento onde sua mulher Molly o espera O teatro e a dan a s o o suporte da cena O p blico convidado a ir para a rua e acompanhar a trajet ria do homem que vive e dan a a cidade adia a volta sem nunca conseguir se esquecer da imagem assustadora e sedutora da esposa que lhe provoca desejo e medo Com a Cia Estrela D Alva de Teatro Dire o de Marcelo Gianini e Carina Prestupa Com os atores L gia Helena e Paulo Gircys SERVI O Ulisses Molly Bloom dan ando para adiar Sextas feiras 20 horas s bados 16 horas Casa das Rosas Avenida Paulista 31 Bela Vista S o Paulo Telefone 11 3285 6986 Entrada franca Classifica o 14 anos At 27 de outubro Fonte Visite S o Paulo Encontra Bela Vista http www encontrabelavista com br noticias bela vista peca leva publico a passear pelaavenida paulista
Bela Vista  pe  a leva p  blico a passear pela avenida Paulista sexta-feira, 28 de setembro de 2012  Um espet  culo difere...
ltimos dias para ver Ulisses Espet culo tem como palco a Casa das Rosas e depois a Avenida Paulista Sueli Almeida Trama t m cenas que passam pela Casa das Rosas e chegam Avenida Paulista O espet culo come a dentro da Casa das Rosas vai para a Avenida Paulista pra as bares e retorna institui o para dar continuidade e finalizar Trata se da pe a Ulisses Molly Bloom dan ando para adiar poema c nico dos dramaturgos Lucienne Guedes e Marcio Castro inspirado em Ulisses do romancista irland s James Joyce 18821941 considerado por muitos cr ticos a obra mais importante do s culo 20 escrita entre 1914 e 1921 Na trama Leopold Bloom sai de casa pela manh cumpre suas tarefas do dia mas na verdade inventa algo para fazer at retornar ao apartamento onde sua mulher Molly o espera O teatro e a dan a s o o suporte da cena O p blico convidado a ir para a rua e acompanhar a trajet ria do homem que vive e dan a a cidade adia a volta sem nunca conseguir se esquecer da imagem assustadora e sedutora da esposa que lhe provoca desejo e medo Com a Cia Estrela D Alva de Teatro Dire o de Marcelo Gianini e Carina Prestupa Com os atores L gia Helena e Paulo Gircys SERVI O Pe a Ulisses Molly Bloom dan ando para adiar Sextas feiras 20 horas s bados 16 horas Casa das Rosas Av Paulista 31 Bela Vista S o Paulo Telefone 11 3285 6986 Entrada franca Classifica o 14 anos At o dia 27 Do Portal do Governo do Estado http www saopaulo sp gov br spnoticias lenoticia php id 223501
  ltimos dias para ver Ulisses Espet  culo tem como palco a Casa das Rosas e depois a Avenida Paulista Sueli Almeida  Tram...
Adapta o de Ulisses de James Royce leva p blico a passear pela Av Paulista Considerada por muitos cr ticos a obra mais importante do s culo 20 Ulisses do romancista James Joyce inspirou um poema c nico independente que originou a pe a Ulisses Molly Bloom dan ando para adiar dos dramaturgos Lucienne Guedes e Marcio Castro Inovador o espet culo usa o teatro e a dan a como suporte da escrita e durante a exibi o leva o p blico a passear pela Avenida Paulista A pe a come a dentro da Casa das Rosas e convida os espectadores a ir para a rua acompanhar a trajet ria do homem que vive e dan a a cidade adiando a volta para casa sem conseguir se desvencilhar da temida imagem de sua sedutora esposa Na trama Leopold Bloom sai de casa pela manh cumpre suas tarefas rotineiras e inventa atividades para se distrair at retornar ao apartamento onde sua mulher Molly o aguarda Durante a encena o os atores interagem com o p blico que tamb m participa do espet culo de maneira divertida No decorrer do passeio pela Avenida Paulista o personagem Leopold Bloom vaga por pra as e bares dos arredores entra em contato com homens alucina e ensaia passos de dan a Com a Cia Estrela D Alva de Teatro Dire o de Marcelo Gianini e Carina Prestupa Com os atores L gia Helena e Paulo Gircys Vai l Ulisses Molly Bloom dan ando para adiar Sextas feiras 20 horas s bados 16 horas aconselh vel chegar com uma hora de anteced ncia para reservar o ingresso Casa das Rosas Avenida Paulista 31 Bela Vista S o Paulo Telefone 11 3285 6986 Entrada franca Classifica o 14 anos At 27 de outubro Mulheres Evolu das http www mulheresevoluidas com br agendacultural id 158
Adapta    o de Ulisses, de James Royce, leva p  blico a passear pela Av. Paulista  Considerada por muitos cr  ticos a obra...
Na faixa Conhe a pe as gratuitas em cartaz S o Paulo reserva diversas atra es de gra a entre elas 10 espet culos teatrais Interven o urbana baseada no romance Ulisses de James Joyce Foto Divulga o 24 out 2012 por Reda o VEJINHA COM Pe as Interven o urbana Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar Resenha por Adriano Conter De Lucienne Guedes e Marcio Castro Inspirada no romance Ulisses de James Joyce a interven o urbana segue a trajet ria de Leopold Bloom Tudo come a em sua resid ncia recriada dentro da Casa das Rosas Saiba mais Veja SP http vejasp abril com br materia pecas gratuitas emcartaz utm_source redesabril_vejasp utm_medium twitter utm_campaign redesabril_vejasp
 Na faixa   Conhe  a pe  as gratuitas em cartaz S  o Paulo reserva diversas atra    es de gra  a, entre elas, 10 espet  cu...
5 Mostra de Teatro come a nesta segunda feira em Jundia SP Do G1 Sorocaba e Jundia A 5 Mostra de Teatro de Jundia come a nesta segunda feira 15 e segue at a pr xima sexta feira 19 O p blico pode conferir as pe as teatrais de grupos de todo o estado As apresenta es s o na Sala Gl ria Rocha al m da Mostra Paralela Itinerante no centro e nos bairros Confira a programa o Sala Gl ria Rocha 19h Rua Bar o de Jundia 1093 Centro Segunda feira 15 de outubro Os Cavalos Refugam Perante o Abismo Classifica o 16 anos Texto Rog rio Guarapian Dire o Edgar Castro Ter a feira 16 de outubro Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar Cia Estrela D alva da Cooperativa Paulista de Teatro Santo Andr SP Ingressos limitados 60 pessoas no palco Classifica o 14 anos Texto Lucienne Guedes e Marcio Castro Dire o Marcelo Gianini e Carina Prestupa Com L gia Helena e Paulo Vitor Gir ys Quarta feira 17 de outubro Encontro de Dois Classifica o Livre Texto Quase 9 Teatro Dire o Mariana Muniz Com Emilene Gutierrez Ivan Montanari Deborah Andrade Carol Vidotti L cia Kakazu Leonardo Costa acessibilidade para deficientes auditivos Quinta feira 18 de outubro Pen lope Vergueiro Pen lope Cia de Teatro S o Paulo SP Ingressos limitados 50 pessoas no palco Classifica o 14 anos Texto Carlos Canhameiro Dire o Carlos Canhameiro Com Ericka Coracini Paula Carrara Rimenna Proc pio Sexta feira 19 de outubro Cinza Cia Fios de Sombra Campinas SP Classifica o 14 anos Texto Rafael Curci Dire o Rafael Curci Com Paloma Barreto G1 http g1 globo com sao paulo sorocaba jundiai noticia 2012 10 5 mostra de teatro comeca nesta segunda feiraem jundiai sp html
5   Mostra de Teatro come  a nesta segunda-feira em Jundia  , SP Do G1 Sorocaba e Jundia   A 5   Mostra de Teatro de Jundi...
PROGRAMA O ESPECIAL Ocupa o James Joyce Ocupa o e integra o Ocupa o James Joyce o nome final de uma programa o que come ou a partir de uma proposta de temporada teatral com a Companhia Estrela D Alva e a pe a Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar trazida para a reuni o de programa o do CCSP pela Curadoria de Teatro Com uma caracter stica de se iniciar na sala de espet culo e depois passar a percorrer uma trajet ria em diversos espa os do CCSP e da rua esta pe a provocou nos uma perspectiva de inclus o e integra o amplamente facilitada pela abrang ncia de possibilidades explorat rias de um autor como James Joyce O passo seguinte foi abra ar uma oficina que envolve artistas interessados na cria o experimental Experimento Finnegans a partir da obraFinnegans Wake levando em conta as linguagens teatral musical liter ria e a multiplicidade oriunda do entroncamento das mesmas Professor no Centro um projeto idealizado pela Divis o de A o Cultural e Educativa prop e para essa atividade de 15 encontros entre a companhia e artistas participantes do experimento a presen a do professor como um espectador cr tico reflexivo permitindo que ele participe como observador do processo e traga seus alunos para a apresenta o final acrescentando ao debate ap s a apresenta o sua experi ncia nessa observa o do processo de cria o A pe a Odisseia de Samir Yazbek dramaturgia e Marco Ant nio Rodrigues encena o baseada na cl ssica obra de Homero oferecer ao p blico a oportunidade de tomar contato com o texto que inspirou James Joyce na cria o de seu Ulisses Odisseia contar com uma apresenta o nica Outra grande demanda surgida foi acerca da percep o de que para trabalhar a densidade desse autor irland s e sua obra considerada um dos divisores de gua da tradi o liter ria necess ria a luz de um conhecimento advindo de estudos e pesquisas Munira Hamud Mutran livre docente pela Universidade de S o Paulo atender a essa demanda em uma palestra que contar com uma abordagem em torno do autor e de sua obra al m da leitura dram tica de trechos do livro Ulisses a ser realizada pelo ator Paulo Gyrcis curioso dizer que at o momento em que estas atividades estavam sendo idealizadas o nome escolhido para o projeto era Ocupa o Ulisses mas como as intera es e a abrang ncia foram se constituindo para al m da obra o mesmo foi rebatizado A amplitude que se realizou e repercutiu no nome um indicativo do cont gio sentido e acolhido pela pr pria equipe de cura dores que foi percebendo pontos de liga o na proposta inicial e a eles foram se vinculando O resultado disso uma programa o capaz de abarcar um p blico amplo heterog neo de diversos interesses e linguagens N o por acaso outro cont gio importante de ser contextualizado aqui e que transcende fronteiras o pr prio Bloomsday dia 16 de junho data comemorativa institu da na Irlanda em comemora o obra Ulisses e que hoje tem repercuss o mundial Mais que um dia nossa programa o idealizada pela Curadoria de Teatro e pelas Divis es de A o Cultural e Educativa e de Bibliotecas oferece os meses de junho e julho repletos desse autor mpar e sua monumental obra Kil Abreu Deise Get lia de Melo e Fl via Giacomini Costa Curadores de Teatro de Programa o e Difus o Cultural das Bibliotecas e do Educativo do CCSP respectivamente Saiba mais sobre James Joyce Teatro de 7 6 a 14 7 Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar grupo Cia Estrela D Alva de teatro texto James Joyce dramaturgia Lucienne Guedes e M rcio Castro encena o Marcelo Gianini elenco Carina Prestupa e Paulo Gircys Drama 100min 14 anos A Cia Estrela D Alva encena o cl ssico moderno do escritor irland s James Joyce Leopold Bloom um homem comum sai de casa de manh para uma caminhada que dura at a noite No retorno a casa ele reencontrar sua esposa Molly na cama onde ela teria em sua imagina o passado o dia com um amante Sextas e s bados s 21h domingos s 20h Ingressos R 15 00 a bilheteria abre duas horas antes do in cio do espet culo pre o popular R 3 00 dia 21 6 Espa o C nico Ademar Guerra 60 lugares No dia 30 6 n o haver apresenta o dia 16 6 domingo 20h
PROGRAMA    O ESPECIAL Ocupa    o James Joyce Ocupa    o e integra    o Ocupa    o James Joyce    o nome final de uma prog...
nica apresenta o Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar em improvisa es instrumentais grupo Cia Estrela D Alva de teatro texto James Joyce dramaturgia Lucienne Guedes e M rcio Castro encena o Marcelo Gianini elenco Carina Prestupa e Paulo Gircys Drama 100min 14 anos O espet culo abandona sua trilha original para dar espa o s experimenta es instrumentais da banda Deriva que acontecem especialmente nesta apresenta o Partindo da ideia do dentro fora que define o trajeto da montagem dentro da sala de espet culo no espa o da rua e novamente dentro da sala a m sica interv m em pontua es feitas primeiro por um nico instrumento piano ou teclado e depois por um sax tenor um contrabaixo ac stico uma bateria e uma escaleta Entrada franca retirada de ingressos na bilheteria duas horas antes do in cio do espet culo Espa o C nico Ademar Guerra 60 lugares dia 30 6 domingo 20h Odisseia Drama 100min 16 anos texto Homero dramaturgia Samir Yazbek encena o Marco Antonio Rodrigues elenco Aline Basili Camila Caparroz Gabriel Muglia Miguel Mendes Nat lia Kronig Pedro Carrasco Pedro Lopes Rafael Faustino Renata Asato e Sarah Campos O espet culo parte do argumento original de Homero recriando as perip cias de Odisseu Ulisses para retornar a taca sua terra natal Nessa jornada enfatizada sua perplexidade diante de um mundo que ele 30 anos depois j n o reconhece mais Entrada franca retirada de ingressos na bilheteria duas horas antes do in cio do espet culo Espa o C nico Ademar Guerra 200 lugares Palestra Ulisses A Odisseia de Bloom dia 12 6 quarta 14h30 A professora livre docente Munira Hamud Mutran fala sobre James Joyce e sua obra com um enfoque central no livro Ulisses obra da qual o ator Paulo Gircys da Cia Estrela D Alva extrair alguns trechos e far uma leitura p blica O encontro acontecer na semana que antecede o Bloomsday 16 de junho feriado irland s em comemora o ao livro Ulisses Munira Hamud Mutran mestrado doutorado e livre doc ncia realizados na USP onde professora associada do Departamento de Letras Modernas e diretora da C tedra de Estudos Irlandeses W B Yeats coeditora do ABEI Journal editora e autora de v rias publica es sobre estudos irlandeses e autora de lbum de retratos George Moore Oscar Wilde e W B Yeats no fim do s culo XIX um momento cultural Entrada franca sem necessidade de retirada de ingressos Pra a M rio Chamie Bibliotecas Oficinas Experimento Finnegans com Paulo Vitor Gircys L gia Helena e Marcio Castro coordena o geral Carina Prestupa trabalho de corpo Paula Carrara trabalho de voz e Quarteto Deriva improvisa o musical Trata se de um experimento art stico que tem como inspira o a interven o c nica e urbana a partir da obra Finnegans Wake de James Joyce A oficina prop e a descoberta dos elementos que a obra apresenta a partir do aprofundamento de tr s quest es como uma estrutura lingu stica in dita forma de Finnegans Wake pode ser disparador de uma nova est tica de frui o teatral a utiliza o de espa os n o convencionais para a cria o da cena sejam eles internos ou externos ao CCSP e a utiliza o da m sica experimental ao vivo como apoio da cria o c nica S o as mesmas quest es que orientaram a cria o de Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar espet culo da Cia Estrela D Alva que cumpre temporada no CCSP 15 vagas p blico artistas das reas de teatro m sica e dan a com disponibilidade para as datas e hor rios da oficina inscri es de 7 5 a 3 6 enviar e mail com curr culo tamanho m ximo duas laudas e carta de interesse tamanho m ximo uma lauda para dace ccsp gmail com sele o por avalia o do curr culo e carta de interesse haver uma lista de suplentes
  nica apresenta    o Ulisses Molly Bloom Dan  ando para adiar, em improvisa    es instrumentais grupo  Cia. Estrela D   A...
para casos de desist ncia a lista de selecionados ser divulgada nesta p gina a partir de 4 6 per odo da oficina de 5 6 a 7 7 s quartas quintas e sextas das 10 s 13h apresenta es do processo ao p blico dias 5 e 7 7 sexta s 14h e domingo s 16h local da oficina Sala de Ensaio 1 e espa os de conviv ncia do CCSP Mais informa es sobre a companhia e o Experimento no site www projetoulisses blogspot com Professor no Centro Saiba mais sobre o projeto Professor no Centro Experimento Finnegans Neste m s o Professor no Centro ser vinculado ao projeto Ocupa o James Joyce por meio do Experimento Finnegans Neste experimento a Cia Estrela D Alva convida professor e interessados no assunto que n o tenham experi ncia na rea a participar do processo da oficina como observadores com o intuito de gerar uma reflex o na produ o art stica do grupo Em julho os professores que participarem do processo da oficina Experimento Finnegans como observadores poder o trazer seus alunos e ou grupo para a apresenta o final e debate no dia 5 7 Per odo da oficina de 5 6 a 7 7 s quartas quintas e sextas das 10 s 13h apresenta es do processo ao p blico dias 5 e 7 7 sexta s 14h e domingo s 16h local da oficina Sala de Ensaio 1 e espa os de conviv ncia do CCSP http www centrocultural sp gov br programacao_especial_ocupacao_james_joyce html
para casos de desist  ncia - a lista de selecionados ser   divulgada nesta p  gina a partir de 4 6 - per  odo da oficina  ...
Ocupa o James Joyce no CCSP Ocupa o James Joyce o nome final de uma programa o que come ou a partir de uma proposta de temporada teatral com a Companhia Estrela D Alva e a pe a Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar no Centro Cultural S o Paulo Com uma caracter stica de se iniciar na sala de espet culo e depois passar a percorrer uma trajet ria em diversos espa os do CCSP e da rua esta pe a provocou uma perspectiva de inclus o e integra o amplamente facilitada pela abrang ncia de possibilidades explorat rias de um autor como James Joyce Al m da temporada o grupo convida o Quarteto Deriva quarteto de m sica instrumental para participar de uma apresenta o especial em que a trilha sonora do espet culo ser improvisada ao calor da encena o e do jogo dos atores O passo seguinte foi abra ar uma oficina que envolve artistas interessados na cria o experimental Experimento Finnegans a partir da obra Finnegans Wake levando em conta as linguagens teatral musical liter ria e a multiplicidade oriunda do entroncamento das mesmas A pe a Odisseia de Samir Yazbek dramaturgia e Marco Ant nio Rodrigues encena o baseada na cl ssica obra de Homero oferecer ao p blico a oportunidade de tomar contato com o texto que inspirou James Joyce na cria o de seu Ulisses Odisseia contar com uma apresenta o nica Outra grande demanda surgida foi acerca da percep o de que para trabalhar a densidade desse autor irland s e sua obra considerada um dos divisores de gua da tradi o liter ria necess ria a luz de um conhecimento advindo de estudos e pesquisas Munira Hamud Mutran livre docente pela Universidade de S o Paulo atender a essa demanda em uma palestra que contar com uma abordagem em torno do autor e de sua obra al m da leitura dram tica de trechos do livro Ulisses a ser realizada pelo ator Paulo Gyrcis curioso dizer que at o momento em que estas atividades estavam sendo idealizadas o nome escolhido para o projeto era Ocupa o Ulisses mas como as intera es e a abrang ncia foram se constituindo para al m da obra o mesmo foi rebatizado A amplitude que se realizou e repercutiu no nome um indicativo do cont gio sentido e acolhido pela pr pria equipe de curadores que foi percebendo pontos de liga o na proposta inicial e a eles
Ocupa    o James Joyce no CCSP  Ocupa    o James Joyce    o nome final de uma programa    o que come  ou a partir de uma p...
foram se vinculando O resultado disso uma programa o capaz de abarcar um p blico amplo heterog neo de diversos interesses e linguagens N o por acaso outro cont gio importante de ser contextualizado aqui e que transcende fronteiras o pr prio Bloomsday dia 16 de junho data comemorativa institu da na Irlanda em comemora o obra Ulisses e que hoje tem repercuss o mundial Teatro de 7 6 a 14 7 Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar grupo Cia Estrela D Alva de teatro texto James Joyce dramaturgia Lucienne Guedes e M rcio Castro encena o Marcelo Gianini elenco Carina Prestupa e Paulo Gircys Drama 100min 14 anos A Cia Estrela D Alva encena o cl ssico moderno do escritor irland s James Joyce Leopold Bloom um homem comum sai de casa de manh para uma caminhada que dura at a noite No retorno a casa ele reencontrar sua esposa Molly na cama onde ela teria em sua imagina o passado o dia com um amante Sextas e s bados s 21h domingos s 20h Ingressos R 15 00 a bilheteria abre duas horas antes do in cio do espet culo pre o popular R 3 00 dia 21 6 Espa o C nico Ademar Guerra 60 lugares No dia 30 6 n o haver apresenta o dia 16 6 domingo 20h nica apresenta o Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar em improvisa es instrumentais grupo Cia Estrela D Alva de teatro texto James Joyce dramaturgia Lucienne Guedes e M rcio Castro encena o Marcelo Gianini elenco Carina Prestupa e Paulo Gircys Drama 100min 14 anos O espet culo abandona sua trilha original para dar espa o s experimenta es instrumentais da banda Deriva que acontecem especialmente nesta apresenta o Partindo da ideia do dentro fora que define o trajeto da montagem dentro da sala de espet culo no espa o da rua e novamente dentro da sala a m sica interv m em pontua es feitas primeiro por um nico instrumento piano ou teclado e depois por um sax tenor um contrabaixo ac stico uma bateria e uma escaleta Entrada franca retirada de ingressos na bilheteria duas horas antes do in cio do espet culo Espa o C nico Ademar Guerra 60 lugares dia 30 6 domingo 20h Odisseia Drama 100min 16 anos texto Homero dramaturgia Samir Yazbek encena o Marco Antonio Rodrigues elenco Aline Basili Camila Caparroz Gabriel Muglia Miguel Mendes Nat lia Kronig Pedro Carrasco Pedro Lopes Rafael Faustino Renata Asato e Sarah Campos O espet culo parte do argumento original de Homero recriando as perip cias de Odisseu Ulisses para retornar a taca sua terra natal Nessa jornada enfatizada sua perplexidade diante de um mundo que ele 30 anos depois j n o reconhece mais Entrada franca retirada de ingressos na bilheteria duas horas antes do in cio do espet culo Espa o C nico Ademar Guerra 200 lugares Palestra Ulisses A Odisseia de Bloom
foram se vinculando. O resultado disso    uma programa    o capaz de abarcar um p  blico amplo, heterog  neo, de diversos ...
dia 12 6 quarta 14h30 A professora livre docente Munira Hamud Mutran fala sobre James Joyce e sua obra com um enfoque central no livro Ulisses obra da qual o ator Paulo Gircys da Cia Estrela D Alva extrair alguns trechos e far uma leitura p blica O encontro acontecer na semana que antecede o Bloomsday 16 de junho feriado irland s em comemora o ao livro Ulisses Munira Hamud Mutran mestrado doutorado e livre doc ncia realizados na USP onde professora associada do Departamento de Letras Modernas e diretora da C tedra de Estudos Irlandeses W B Yeats coeditora do ABEI Journal editora e autora de v rias publica es sobre estudos irlandeses e autora de lbum de retratos George Moore Oscar Wilde e W B Yeats no fim do s culo XIX um momento cultural Entrada franca sem necessidade de retirada de ingressos Pra a M rio Chamie Bibliotecas Oficinas Experimento Finnegans com Paulo Vitor Gircys L gia Helena e Marcio Castro coordena o geral Carina Prestupa trabalho de corpo Paula Carrara trabalho de voz e Quarteto Deriva improvisa o musical Trata se de um experimento art stico que tem como inspira o a interven o c nica e urbana a partir da obra Finnegans Wake de James Joyce A oficina prop e a descoberta dos elementos que a obra apresenta a partir do aprofundamento de tr s quest es como uma estrutura lingu stica in dita forma de Finnegans Wake pode ser disparador de uma nova est tica de frui o teatral a utiliza o de espa os n o convencionais para a cria o da cena sejam eles internos ou externos ao CCSP e a utiliza o da m sica experimental ao vivo como apoio da cria o c nica S o as mesmas quest es que orientaram a cria o de Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar espet culo da Cia Estrela D Alva que cumpre temporada no CCSP abertas inscri es de 7 5 a 29 5 enviar e mail com curr culo tamanho m ximo duas laudas e carta de interesse tamanho m ximo uma lauda para dace ccsp gmail com sele o por avalia o do curr culo e carta de interesse haver uma lista de suplentes para casos de desist ncia per odo da oficina de 5 6 a 7 7 s quartas quintas e sextas das 10 s 13h apresenta es do processo ao p blico dias 5 e 7 7 sexta s 14h e domingo s 16h local da oficina Sala de Ensaio 1 e espa os de conviv ncia do CCSP Mais informa es sobre a companhia e o Experimento no site www projetoulisses blogspot com http arteref com teatro ocupacao james joyce no ccsp
dia 12 6     quarta     14h30 A professora livre-docente Munira Hamud Mutran fala sobre James Joyce e sua obra, com um enf...
11 06 2013 Atualizado em 11 06 2013 Ocupa o James Joyce Autor irland s tema de evento no Centro Cultural S o Paulo O dia 16 de junho ficou marcado para os irlandeses como o Bloomsday pois nele se passa a jornada do personagem Leopold Bloom narrada no cl ssico Ulisses do conterr neo e cultuado autor James Joyce Por isso est em curso este m s no Centro Cultural S o Paulo a Ocupa o James Joyce que traz dois espet culos teatrais e palestra relacionados obra do escritor O carro chefe da ocupa o Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar premiada encena o da Cia Estrela D Alva de teatro que esteve em cartaz entre setembro e outubro de 2012 na capital paulista A pe a baseada na mais famosa obra de Joyce que satiriza a saga do personagem mitol gico Em A Odiss ia a obra original de Homero que tamb m ser encenada na Ocupa o Ulisses enfrenta diversas prova es ao longo de uma d cada at regressar cidade natal onde reencontra Pers fone que resiste durante todo o tempo s investidas de outros homens apesar das not cias da morte de seu amado Na releitura de Joyce Leopold Bloom parte para um dia de trabalho em 1904 e enfrenta diversos contratempos antes de voltar para casa onde descobre a trai o de sua esposa Molly N s nos interessamos especialmente pela forma como Joyce escreve Especialmente pelo mon logo de Molly trecho no final do livro em que h 80 p ginas sem qualquer pontua o explica Ligia Helena integrante da Cia Estrela D Alva A exemplo do que ocorre na trama que se passa em parte nas ruas de Dublin a montagem ganha as vias do entorno do centro cultural localizado no bairro de Para so Outro ponto de contato com a hist ria e seu autor poder ser visto justamente na apresenta o do dia 16 quando a trilha sonora do espet culo ser substitu da por uma trilha executada in loco e de improviso pela banda Deriva Joyce era m sico Molly cantora l rica e o homem com o qual ela trai Bloom produtor musical A ideia veio dessa rela o do escritor e sua obra com a m sica destaca Ligia A encena o de A Odiss ia tamb m ocorrer em um nico dia 30 de junho e permitir compreender melhor o olhar de Joyce sobre a hist ria A montagem conta com dramaturgia de Samir Yazbek dire o de Marco Antonio Rodrigues e elenco formado por dez atores Antes disso no dia 12 a professora Munira Hamud Mutran d palestra sobre James Joyce e sua obra com enfoque em Ulisses Na mesma ocasi o o ator Paulo Gircys far leitura de alguns trechos da obra http www globoteatro com br reportagem 1567 ocupacao james joyce htm
11 06 2013 - Atualizado em 11 06 2013  Ocupa    o James Joyce Autor irland  s    tema de evento no Centro Cultural S  o Pa...
10 Junho 2013 CCSP faz ode obra de James Joyce Foto Sueli Almeida A pe a Ulisses Molly Bloom Programa o especial ter apresenta es Odisseia de Samir Yazbek e Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar A partir de 7 de junho o Centro Cultural S o Paulo CCSP realiza uma programa o especial em homenagem ao autor irland s James Joyce 1882 1941 com o especial interdisciplinar Ocupa o James Joyce At 14 de julho o CCSP sedia quatro eventos ligados ao autor uma palestra gratuita ministrada pela professora da USP Munira Hamud Mutran sobre a obra Ulisses apresenta o do espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar pela Cia Estrela Dalva e encena o gratuita da pe a Odisseia adaptada por Samir Yazbek e Marco Ant nio Rodrigues Com abertura em 7 de junho a pe a Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar encenada pela Cia Estrela Dalva ficar em cartaz at 14 de julho Com texto de James Joyce o espet culo segue o personagem Leopold Bloom por uma caminhada mundana Quando retorna sua casa Leopold imagina que sua esposa Molly teria lhe tra do Em comemora o ao Bloomsday em 16 de junho dia no qual se homenageia a obra de James Joyce e seu personagem mais famoso Leopold Bloom a apresenta o da pe a Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar ser gratuita e com trilha sonora experimental feita ao vivo pela Banda Deriva Durante a pe a os atores interagem com o espa o do CCSP abandonando a delimita o f sica do espet culo para relacionarem se com a rua tal como Leopold Bloom fez na Dublin de Ulisses adapta o da Odisseia de Homero O Curador de Teatro Kil Abreu explica a obra e sua rela o com a cidade A odisseia de Leopold Bloom o anti her i criado por James Joyce no seu Ulisses continua inspirando todos aqueles que de alguma maneira se aventuram nos desv os da cidade para pensar a pr pria exist ncia E este sentimento moderno que nasce do confronto da subjetividade com o espa o urbano do dentro com o fora que tamb m pauta a montagem da Cia Estrela Dalva Ulisses Molly Bloom dan ando para adiar Um espet culo que se liberta da sala para ganhar caminhos fora dela e com isso ensaia inventar novas possibilidades para o vir a ser do pr prio teatro Fundadora da Associa o Brasileira de Estudos Irlandeses ABEI e Professora Associada da rea de Estudos Lingu sticos e Liter rios em Ingl s do Departamento de Letras Modernas da FFLCH USP Munira Hamud Mutran conduz em 12 de junho a palestra gratuita Ulisses A Odisseia Bloom sobre a obra Ulisses de Joyce Durante a discuss o trechos do livro ser o lidos pelo ator Paulo Gyrcis Em 30 de junho acontece uma apresenta o nica e gratuita da pe a Odisseia adapta o de Samir Yazbek um dos mais importantes dramaturgos do pa s e Marco Ant nio Rodrigues releitura da saga pica de Odisseu para retornar a sua terra natal ap s a Guerra de Tr ia no original de Homero http arteum terra com br mais_integra php id 2336
10 Junho 2013  CCSP faz ode    obra de James Joyce  Foto  Sueli Almeida  A pe  a  Ulisses Molly Bloom  Programa    o espec...
Ocupa o James Joyce no CCSP teatro oficinas e palestras Reda o em 5 de junho de 2013 s 17 20 O CCSP realiza a mostra Ocupa o James Joyce em homenagem ao escritor irland s entre 7 de junho e 14 de julho As atividades contam com eventos em homenagem ao autor palestra oficina e espet culos As atividades t m entrada Catraca Livre com exce o da pe a Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar com ingressos a R 15 Em cartaz de 7 de junho a 14 de julho a pe a Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar encenada pela Cia Estrela Dalva Com texto de James Joyce o espet culo segue o personagem Leopold Bloom por uma caminhada mundana Quando retorna sua casa Leopold imagina que sua esposa Molly teria lhe tra do No domingo 16 de junho a apresenta o da pe a Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar ter uma trilha sonora experimental feita ao vivo pela Banda Deriva al m de ter entrada Catraca Livre No domingo 30 de junho h apresenta o do espet culo Odisseia adaptada por Samir Yazbek e Marco Ant nio Rodrigues tamb m com entrada Catraca Livre http catracalivre com br sp agenda barato ocupacao james joyce no ccsp teatro oficinas e palestra
Ocupa    o James Joyce no CCSP  teatro, oficinas e palestras Reda    o em 5 de junho de 2013   s 17 20 O CCSP realiza a mo...
Livro e evento celebram obras de James Joyce 02 de Junho de 2013 Os Mortos re ne tr s textos do autor irland s que tamb m homenageado por grupo de teatro Em junho na Irlanda comemora se o Bloomsday dia em que se celebra a obra Ulysses de James Joyce 1882 1941 No Brasil o escritor homenageado com o lan amento de Os Mortos e em evento no Centro Cultural S o Paulo Os Mortos re ne tr s textos de Joyce sobre o amor a come ar pelo conto que d nome ao livro e acompanha o personagem Gabriel Conroy em descobertas sobre sua mulher Outra hist ria Ar bias que mostra um garoto na busca por um presente para a menina por quem apaixonado em um bazar rabe Para concluir o livro reserva um trecho c lebre do livro Ulysses o mon logo final de Molly Bloom No Centro Cultural S o Paulo uma s rie de atividades celebram o autor na Ocupa o James Joyce que come a sexta Integram o evento palestra oficina e pe as de teatro S o encenadas Odiss ia e Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar Nesta na sess o de 16 de junho o Bloomsday haver improvisa es sonoras Os Mortos Ed Penguin Companhia das Letras 136 p gs R 14 90 CCSP Tel 3397 4002 At 14 7 Gr tis projetoulisses blogspot com br http www destakjornal com br noticias diversao arte livro e evento celebram obras de james joyce 196102
Livro e evento celebram obras de James Joyce 02 de Junho de 2013   Os Mortos  re  ne tr  s textos do autor irland  s, que ...
AGENDA 100 Bloomsday feriado liter rio mundial comemorado com o espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar no MIS Reda o em 11 de junho de 2014 s 13 01 Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar ganha duas apresenta es no MIS Em comemora o ao 110 Bloomsday feriado liter rio mundial relativo ao dia em que se passa a obra Ulysses de James Joyce a Cia Estrela D Alva de Teatro apresenta o espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar A apresenta o acontece noFoyer do Audit rio MIS nos dias 14 e 15 de junho s 17h com entrada Catraca Livre A montagem um poema c nico em que o teatro e a dan a s o suportes da cena que recria nos espa os do Museu a travessia de Leopold Bloom por Dublin O personagem sai de casa com a desculpa do cumprimento de sua agenda de trabalho mas na verdade passa o dia tentando encontrar algo para fazer e inventar enquanto sua mulher Molly fica sozinha em casa Ele vive a cidade e dan a no retorno para casa sem nunca conseguir se esquecer da imagem de sua esposa O espet culo tem dire o de Carina Prestupa e Marcelo Gianini dramaturgia de Lucienne Guedes e Marcio Castro e conta com os atores L gia Helena e Paulo Gircys
AGENDA 100   Bloomsday  feriado liter  rio mundial    comemorado com o espet  culo    Ulisses Molly Bloom     Dan  ando pa...
PUBLICADO POR MADMAG EM 10 JUNHO 2014 EM CULTURA CURIOSIDADES ARTE E CRIATIVIDADE MIS COMEMORA BLOOMSDAY COM ESPET CULO DE DAN A inShare Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar inspirada na obra de James Joyce DAN A Bloomsday o feriado liter rio relativo ao dia em que se passa a obra Ulysses de James Joyce A Cia Estrela D Alva de Teatro aproveita a 110 comemora o da data para levar ao MIS Museu da Imagem e do Som nos dias 14 e 15 de junho o espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar A entrada gratuita A pe a que tem dire o de Carina Prestupa e Marcelo Gianini dramaturgia de Lucienne Guedes e Marcio Castro e elenco formado pelos atores L gia Helena e Paulo Gircys um poema c nico no qual o teatro e a dan a s o o suporte da cena e recria nos espa os do Museu a travessia de Leopold Bloom por Dublin Em sua trama o personagem sai de casa com a desculpa do cumprimento de sua agenda de trabalho mas na verdade passa o dia na tentativa de encontrar algo a fazer e a inventar enquanto sua mulher Molly fica sozinha em casa Ele vive a cidade e dan a o retorno para casa sem nunca conseguir se esquecer da imagem de sua esposa O espet culo o resultado de um trabalho iniciado h tr s anos pela Cia Estrela D Alva de Teatro intitulado Projeto Ulisses no qual se buscava um processo de pesquisa e cria o a partir da obra de James Joyce Ao longo desse per odo a Cia se aproximou das comemora es do Bloomsday em S o Paulo participando em 2012 da programa o oficial realizada pela Casa Guilherme de Almeida No mesmo ano o espet culo foi encenada na Casa das Rosas Em 2013 ap s um ano de espet culo a Cia Estrela D Alva realizou em parceria com o Centro Cultural S o Paulo CCSP a Ocupa o James Joyce que al m de contar com a temporada do espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar agregou uma s rie de atividades paralelas como palestras outros espet culos e uma oficina Servi o Cia Estrela D Alva de Teatro apresenta Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar no MIS Museu da Imagem e do Som Avenida Europa 158 Jardim Europa S o Paulo SP Data 14 e 15 de junho s bado e domingo s 17h Quanto Ingressos gratuitos Informa es 11 2117 4777 http www mis sp org br
PUBLICADO POR MADMAG EM 10 JUNHO 2014 EM CULTURA, CURIOSIDADES, ARTE E CRIATIVIDADE    MIS COMEMORA BLOOMSDAY COM ESPET  C...
16 06 2014 s 14 30 Cl ssicos Bloomsday em homenagem a Joyce celebrado no Brasil H 110 anos no dia 16 de junho de 1904 Leopold Bloom sai de casa e perambula pelas ruas de Dublin pensando em Molly O dia trivial escrito por James Joyce o centro do aclamado romanceUlysses publicado originalmente em 1922 A data escolhida pelo autor por marcar o dia em que saiu pela primeira vez com Nora sua companheira de uma vida foi apelidado de Bloomsday e celebrado por f s de literatura em diversos pa ses A festa maior feita em Dublin L f s se fantasiam e passeiam pelos cen rios do romance param no centen rio Davy Byrnes Pub e fazem leituras da obra do cultuado autor Em S o Paulo onde a data comemorada desde 1988 por iniciativa de Haroldo de Campos tamb m haver gente fantasiada de Leopold Bloom Molly e James Joyce mas os personagens ser o encarnados por atores de companhias como Lona de Retalhos Grupo CGI N cleo Zona Aut noma Quarteto Deriva e Uma das Tr s Eles foram convidados pelos atores L gia Helena e Paulo Gircys da Cia Estrela D Alva de Teatro respons veis pelo espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar para ajudarem no que chamaram de Encontro Peripat tico que passar pela Cardoso de Almeida Dr Arnaldo Teodoro Sampaio Capote Valente e Arthur de Azevedo at chegar ao Finnegan s onde uma grande programa o come a s 19 horas Quem tamb m aproveitou a data para homenagear o escritor foi a editora Companhia das Letras que lan ou recentemente o in dito Finn s Hotel tradu o Caetano W Galindo 168 p ginas manuscrito encontrado no in cio dos anos 1990 e que causou alvoro o entre os especialistas de Joyce O texto curto e levemente mais acess vel que suas obras anteriores apontado como uma introdu o ao seu gigantesco Finnegans Wake ltimo livro do autor publicado em 1939 e considerado um dos mais importantes romances do mundo Outros Bloomsdays No Rio a comemora o come a s 21 h na Escola Letra Freudiana A professora Bernardina da Sillveira Pinheiro apresenta uma an lise da par dia que Joyce fez de Hamlet Em Florian polis o evento organizado por Cl lia Mello Dirce Waltrick do Amarante e S rgio Medeiros come a s 17 h na Alian a Francesa J em Belo Horizonte a festa est marcada para as 18 h na Casa Una de Cultura com filmes leituras e exposi o Em Porto Alegre s 19h30 no StudioClio haver sarau com a banda Irish Fellas Com ag ncia Estado
16 06 2014   s 14 30   Cl  ssicos  Bloomsday, em homenagem a Joyce,    celebrado no Brasil  H   110 anos, no dia 16 de jun...
Tags James Joyce Ulysses Vit ria 07 de Agosto de 2014 GERAL Entretenimento 16 06 2014 s 11h35 Atualizado em 16 06 2014 s 11h35 Bloomsday em homenagem a James Joyce ter caminhada Estad o Conte do Reda o Folha Vit ria S o Paulo Leitores f s de James Joyce atores e curiosos se encontram nesta segunda feira s 17 horas na Casa Guilherme de Almeida Rua Macap 187 para dar a largada a uma caminhada com algumas paradas para performances teatrais rumo ao pub Finnegan s Rua Cristiano Viana 358 palco principal do Bloomsday paulistano dia de lembrar o escritor James Joyce que situou Ulisses sua obra monumental em 16 de junho de 1904 Nesse dia o protagonista Leopold Bloom perambula pelas ruas de Dublin pensando em Molly E foi nesse dia que Joyce saiu pela primeira vez com Nora sua companheira de uma vida Desde o final da d cada de 20 do s culo passado o Bloomsday comemorado ao redor do mundo A festa maior feita em Dublin claro L f s se fantasiam e passeiam pelos cen rios do romance param para uma pint no centen rio Davy Byrnes Pub e fazem leituras da obra do cultuado autor Em S o Paulo onde a data comemorada desde 1988 por iniciativa de Haroldo de Campos tamb m haver gente fantasiada de Leopold Bloom Molly e James Joyce mas os personagens ser o encarnados por atores de companhias como Lona de Retalhos Grupo CGI N cleo Zona Aut noma Quarteto Deriva e Uma das Tr s Eles foram convidados pelos atores L gia Helena e Paulo Gircys da Cia Estrela D Alva de Teatro respons veis pelo espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando Para Adiar para ajudarem no que chamaram de Encontro Peripat tico que passar pela Cardoso de Almeida Dr Arnaldo Teodoro Sampaio Capote Valente e Arthur de Azevedo at chegar ao Finnegan s onde uma grande programa o come a s 19 horas O organizador Marcelo T pia conta que o tema deste ano ser O Riso de Joyce e explica a escolha Tomei a express o do fil sofo Jacques Derrida que num ensaio ao refletir sobre Finnegans Wake diz que Joyce est sempre rindo por meio da multiplicidade de sentidos de seu ltimo romance Mas a frase tamb m alude ao aspecto c mico da obra de Joyce sua capacidade de fazer rir Exploraremos esse lado divertido de v rias obras dele por meio de leituras e encena es A agenda extensa e animada e os atores que fizeram as performances pelas ruas de S o Paulo al m de outros convidados sobem ao palco para leituras de tradu es diversas n o s de Ulisses mas das v rias obras de Joyce como Retrato do Artista Quando Jovem Dublinenses e Epifanias Destaque tamb m para a leitura de trechos de Finn s Hotel que acaba de chegar s livrarias por Aurora Bernardini Haver ainda apresenta o do grupo Irish Dreams homenagem ao citarista Alberto Marsicano presen a constante no Bloomsday at a sua morte no ano passado e apresenta o de Arthur Hoverter com sua tradicional gaita de fole Recentemente James Joyce entrou em dom nio p blico o que possibilitou aos leitores o acesso a novas e talvez mais palat veis tradu es da complexa obra do irland s Marcelo T pia desde 1992 frente do Bloomsday v cada vez mais leitores interessados em Joyce e portanto uma amplia o do p blico dos eventos e comenta a atualidade do escritor Sua obra inesgot vel absolutamente impressionante o que ele conseguiu alcan ar com sua cria o as refer ncias s o incont veis o alcance de sentido e as possibilidades de leitura s o ilimitadas e permitem n o s a reflex o profunda como a divers o Outros Bloomsdays No Rio a comemora o come a s 21 h na Escola Letra Freudiana A professora Bernardina da Sillveira Pinheiro apresenta uma an lise da par dia que Joyce fez de Hamlet Depois haver leituras e um brinde ao irland s e aos 450 anos de Shakespeare Em Florian polis o evento organizado por Cl lia Mello Dirce Waltrick do Amarante e S rgio Medeiros come a s 17 h na Alian a Francesa J em Belo Horizonte a festa est marcada para as 18 h na Casa Una de Cultura com filmes leituras e exposi o Em Porto Alegre s 19h30 no StudioClio haver sarau com a banda Irish Fellas e com leituras por Donaldo Sch ler As informa es s o do jornal O Estado de S Paulo
Tags  James Joyce, Ulysses  Vit  ria, 07 de Agosto de 2014       GERAL  Entretenimento 16 06 2014   s 11h35 - Atualizado e...
Governo do Estado de S o Paulo Secretaria da Cultura Bloomsday Apresenta o celebra o Bloomsday feriado liter rio mundial que acontece no dia 16 de junho data em que se passa a obra Ulysses cl ssico de James Joyce O espet culo acontece nos dias 14 e 15 de junho s 17h no Audit rio MIS com entrada gratuita Em comemora o ao 110 Bloomsday feriado liter rio relativo ao dia em que se passa a obra Ulysses de James Joyce a Cia Estrela D Alva de Teatro traz para o MIS institui o da Secretaria de Estado da Cultura o espet culo Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar A pe a um poema c nico em que o teatro e a dan a s o o suporte da cena e recria nos espa os do Museu a travessia de Leopold Bloom por Dublin O personagem sai de casa com a desculpa do cumprimento de sua agenda de trabalho mas na verdade passa o dia na tentativa de encontrar algo a fazer e a inventar enquanto sua mulher Molly fica sozinha em casa Ele vive a cidade e dan a o retorno para casa sem nunca conseguir se esquecer da imagem de sua esposa O espet culo tem dire o de Carina Prestupa e Marcelo Gianini dramaturgia de Lucienne Guedes e Marcio Castro e conta com os atores L gia Helena e Paulo Gircys Ulisses Molly Bloom Dan ando para adiar acontece nos dias 14 e 15 de junho s bado e domingo s 17h no Audit rio MIS 172 lugares O ingresso gratuito deve ser retirado com 1h de anteced ncia na recep o do Museu Fonte Assessoria de imprensa do Museu da Imagem e do Som Data 14 06 2014 Localiza o P gina Inicial Ouvidoria Telefone 11 3339 8000 www cultura sp gov br 2006 2014 Secretaria de Estado da Cultura Todos os direitos reservados
Governo do Estado de S  o Paulo  Secretaria da Cultura Bloomsday  Apresenta    o celebra o Bloomsday, feriado liter  rio m...
Ulisses Deriva cartaz no Galp o QUA 27 DE MAIO DE 2015 00 00 Encena o conta com quarteto instrumental Deriva Foto Divulga o Neste final de semana o Galp o Arthur Netto recebe o espet culo Ulisses Deriva adapta o da obra de James Joyce A montagem que uma realiza o conjunta da Cia Estrela D Alva teatro com o Quarteto Deriva m sica pode ser conferida tanto no s bado quanto no domingo a partir das 20 horas O espet culo traz os personagens Leopold e Molly Bloom da obra Ulisses de James Joyce e junto com eles o quarteto de improvisa o instrumental Deriva que garante a trilha sonora Se na obra de Joyce o que se v um dia comum na vida de Leopold Bloom numa trajet ria pelas ruas de Dublin ao sair de casa no espet culo o que se assiste a hist ria de um homem que tamb m sai de casa e na tentativa de adiar o retorno caminha pelas ruas sem nunca se esquecer de Molly a esposa que fica em casa espera de um poss vel amante A montagem foi contemplada pelo Programa de Apoio a Cultura da Secretaria de Estado da Cultura Edital de Artes Integradas e marcar o anivers rio de dez anos de ambos os grupos a Cia Estrela D Alva e o Quarteto Deriva A proposta que o espet culo que existe desde 2011 e j cumpriu temporada na Casa das Rosas e no Centro Cultural S o Paulo aconte a agora sob o olhar instrumental do quarteto levando em conta o aspecto perform tico da montagem e a estrutura de fluxo de pensamento do autor irland s No elenco est o L gia Helena e Paulo Gircys Beto Sporleder sopros Daniel M ller piano e acordeon Guilherme Marques bateria e Rui Barossi baixo ac stico Como a vinda do espet culo via Proac a entrada gratuita A distribui o dos convites come a s 18 horas no pr prio local O Galp o Arthur Netto fica na Avenida Fausta Duarte de Ara jo 23 Jardim Santista mais inform es pelo 3433 9841 ou galpaoarthurnetto uol com bre www facebook com galpaoarthurnetto http www odiariodemogi inf br caderno a caderno a 29514 ulisses a deriva e cartaz no galpao html
   Ulisses    Deriva       cartaz no Galp  o QUA, 27 DE MAIO DE 2015 00 00  Encena    o conta com quarteto instrumental   ...
Pe a Ulisses Deriva traz teatro e m sica ao Galp o Arthur Netto Produ o ser apresentada neste s bado e domingo s 20 horas no centro cultural de Mogi das Cruzes entrada gratuita Publicada em 26 05 15 Sueli Almeida A cada apresenta o a Cia Estrela D Alva e o Quarteto Deriva interagem com o p blico reinventando o espet culo Katia Brito Da reportagem local Um espet culo que renasce a cada nova apresenta o ganhando novas cores segundo a intera o com os espectadores com a arquitetura urbana das proximidades do palco que o recebe e principalmente com a trilha sonora improvisada naquele instante Assim Ulisses Deriva que re ne a Cia Estrela D Alva e o Quarteto Deriva e chega neste fim de semana ao Galp o Arthur Netto em Mogi Os atores Paulo Vitor Gircys e Ligia Helena d o vida aos personagens da obra Ulisses de James Joyce Leopold e Molly Bloom No palco conforme se resume o enredo um homem que sai de casa e na tentativa de adiar o retorno caminha pelas ruas sem nunca se esquecer de Molly a esposa que fica em casa espera de um poss vel amante A dire o geral de Marcelo Gianini A principal caracter stica a reinven o constante do espet culo Joyce um autor que questiona a pr pria literatura preciso l lo mais de uma vez e a cada nova leitura se encontra um novo ponto de vista O teatro tamb m uma obra que n o se encerra cada apresenta o diferente H uma interven o e a gente n o sabe o que vai acontecer temos de lidar com um novo estilo musical j que o Quarteto trabalha com experimenta o N o algo que dita o ritmo de forma linear explica Gircys A mudan a n o est s na m sica improvisada a arquitetura urbana tamb m traz novas cores a cada apresenta o que n o ocorre apenas no teatro que os recebe Eles v o para a rua e levam junto o p blico e os m sicos O espet culo tenta dialogar com o p blico com a cidade com a arquitetura local Fazemos sempre um estudo pr vio do lugar onde vamos Temos uma cena por exemplo que se passa em um bar Se houver um bar pr ximo fazem l ou levamos um cen rio que lembra um bar para que ele seja improvisado na rua Isso faz com que cada apresenta o seja diferente Precisamos sempre estar ligados neste jogo ou o espet culo n o acontece antecipa http www moginews com br materia 190473 peca ulisses a deriva traz teatro e musica ao galp aspx
Pe  a  Ulisses    Deriva  traz teatro e m  sica ao Galp  o Arthur Netto Produ    o ser   apresentada neste s  bado e domin...
Inscri es abertas para a Oficina Teatral Gratuita Experimento Finnegans Categoria Oficina Teatral Experimento Finnegans Publicado 29 Maio 2015 Experimento Finnegans A Cia Estrela D Alva e o quarteto deriva convidam pessoas interessadas em teatro m sica dan a e literatura para um experimento art stico a partir da obra Finnegans Wake de James Joyce No per odo de 3 meses o grupo prop e uma imers o nas diferentes possibilidades de releitura da obra As inscri es podem ser feitas at dia 8 6 pelo email ciaestreladalva yahoo com br Per odo A oficina come a no dia 11 6 e vai at o dia 27 8 Local C mpus da UFABC em S o Bernardo do Campo 40 vagas aberto ao p blico interno e externo gratuito Mais informa es pelo fone 11 4401 3863 ou pelo http www ciaestreladalva com br ou pelociaestreladalva yahoo com br N o h pr requisitos basta querer ser um trabalho de inicia o teatral http proex ufabc edu br cultura na extensao 207 oficina teatral experimento finnegans 461 oficina teatralgratuita experimento finnegans
Inscri    es abertas para a Oficina Teatral Gratuita  Experimento Finnegans  Categoria  Oficina Teatral Experimento Finneg...
Espa o Clari recebe a pe a Ulisses Deriva nesta quarta 15 s 20h Posted by Reda o on jul 15th 2015 No Comment Da reda o do Tabo o em Foco com informa es da assessoria O Espa o Clari de Teatro recebe na noite desta quarta feira 15 a pe a Ulisses Deriva a partir das 20h com entrada gratuita A cidade de Tabo o da Serra uma das seis cidades invadidas pelos personagens Leopold e Molly Bloom da obra Ulisses de James Joyce Junto com eles o quarteto de improvisa o instrumental Deriva que ira garantir a trilha sonora da montagem Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar da Cia Estrela D Alva de Teatro Se na obra de Joyce o que vemos um dia comum na vida de Leopold Bloom uma trajet ria pelas ruas de Dublin ao sair de casa aqui o que se veremos a trajet ria de um homem que sai de casa e na tentativa de adiar o retorno caminha pelas ruas sem nunca se esquecer de Molly a esposa que fica em casa a espera de um poss vel amante A circula o por meio do Programa de Apoio a Cultura da Secretaria de Estado da Cultura Edital de Artes Integradas ir marcar o anivers rio de dez anos de ambos os grupos a Cia Estrela D Alva e o Quarteto Deriva A proposta que o espet culo que existe desde 2011 j cumpriu temporada na Casa das Rosas e no Centro Cultural S o Paulo aconte a agora sob o olhar instrumental do quarteto levando em conta o aspecto perform tico da montagem e a estrutura de fluxo de pensamento do autor irland s Ulisses Deriva Encena o Marcelo Gianini Dire o Carina Prestupa Dramaturgia Lucienne Guedes e Marcio de Castro Elenco L gia Helena e Paulo Gircys Quarteto Deriva Beto Sporleder sopros Daniel M ller piano e acordeon Guilherme Marques bateria e Rui Barossi baixo ac stico http taboaoemfoco com br espaco clario recebe a peca ulisses a deriva nesta quarta 15 as 20h
Espa  o Clari   recebe a pe  a    Ulisses    Deriva    nesta quarta  15    s 20h Posted by Reda    o on jul 15th, 2015    ...
Espa o Clari recebe o espet culo Ulisses Deriva nesta quarta Reportagem local Da Reda o do Portal O Taboanense Nesta quarta feira dia 15 o Espa o Clari em Tabo o da Serra receber os personagens Leopold e Molly Bloom da obra Ulisses de James Joyce Junto com eles o quarteto de improvisa o instrumental Deriva garante a trilha sonora da montagem Ulisses Molly Bloom Dan ando para Adiar da Cia Estrela D Alva de Teatro A obra Joyce fala sobre um dia comum na vida de Leopold Bloom uma trajet ria pelas ruas de Dublin ao sair de casa j Ulisses Deriva conta a trajet ria de um homem que sai de casa e na tentativa de adiar o retorno caminha pelas ruas sem nunca se esquecer de Molly a esposa que fica em casa a espera de um poss vel amante Sueli Almeida O espet culo traz teatro e m sica para falar de James Joyce A circula o por meio do Programa de Apoio a Cultura da Secretaria de Estado da Cultura Edital de Artes Integradas ir marcar o anivers rio de dez anos de ambos os grupos a Cia Estrela D Alva e o Quarteto Deriva A proposta que o espet culo que existe desde 2011 e j cumpriu temporada na Casa das Rosas e no Centro Cultural S o Paulo aconte a agora sob o olhar instrumental do quarteto levando em conta o aspecto perform tico da montagem e a estrutura de fluxo de pensamento do autor irland s Ulisses Deriva Encena o Marcelo Gianini Dire o Carina Prestupa Dramaturgia Lucienne Guedes e Marcio de Castro Elenco L gia Helena e Paulo Gircys Quarteto Deriva Beto Sporleder sopros Daniel M ller piano e acordeon Guilherme Marques bateria e Rui Barossi baixo ac stico Servi o Ulisses Deriva Quando Quarta feira dia 15 de julho s 20h Onde Espa o Clari Rua Santa Luzia 96 Centro Tabo o da Serra Quanto De gra a Mais informa o 11 4401 3863 http otaboanense com br noticia 16444 espaco clario recebe o espetaculo ulisses a deriva nesta quarta
Espa  o Clari   recebe o espet  culo Ulisses    Deriva nesta quarta Reportagem local Da Reda    o do Portal O Taboanense  ...